‘Assume logo que não é São João, é festival’, dispara Elba Ramalho em crítica às programações do Nordeste

Elba Ramalho comemora 40 anos de carreira com show em homenagem ao Dia da  Mulher

A cantora Elba Ramalho voltou a criticar o desprestígio ao forró pé-de-serra nas programações de São João do Nordeste. “Você precisa ir para São Paulo assistir as bandas de forró e os trios nordestinos que moram e ganham muito dinheiro por lá. Você vê aquela galera jovem dançando forró. No Nordeste, isso acabou”, disse.

A paraibana foi questionada sobre o tema em uma coletiva de imprensa no São João de João Pessoa (PB), na última quinta-feira (20). “Tudo o que eu falo é polêmico, então eu prefiro não julgar. Acho que no céu nenhuma estrela atropela a outra”, começou a cantora.

Após fazer um comparativo com o Sudeste, ela também comentou sobre países do exterior que valorizam o gênero tradicional. “Em Paris todo mundo está na rua, dançando pé-de-serra, no Japão também. Aqui, a gente está botando Alok, que eu amo, mas acho que deve ser cada coisa na sua coisa, cada macaco no seu galho, cada dia no seu dia. Assume logo que não é São João, é um festival.”

A artista parabenizou a Prefeitura de João Pessoa por priorizar artistas ligados às vertentes tradicionais do ritmo. “Está valorizando artistas que merecem estar no palco. Trabalham, estão aqui tomando conta de todo o forró”, completou a artista, que fará show no São João do Recife na segunda-feira (24).

Latino cancela show no São João de Caruaru por “questões políticas”; entenda

SHOW Latino é atração no Recife

O cantor Latino cancelou seu show que aconteceria no São João de Caruaru, neste domingo (23). O artista havia sido anunciado há poucos dias, como a atração surpresa do evento.

A decisão do cantor foi anunciada por meio das redes sociais, onde ele cita “questões políticas”. Acontece que Latino iria se apresentar no palco principal de Caruaru, o Pátio de Eventos Luiz Gonzaga.

Contudo, a apresentação foi transferida para o Polo Azulão. Em vídeo nos Stories do Instagram, Latino falou sobre o assunto. “Não tenho nada contra o palco secundário, faria de boa, mas por questão de respeito, não vou conseguir estar lá”, afirmou.

Na gravação, Latino cita uma “polarização desenfreada”, afirmando que as pessoas estão colocando “a arte no meio dessa confusão toda”. “No dia que vocês acharem que eu estou preparado para estar no palco principal, eu estou à disposição”, disparou.

A Prefeitura de Caruaru lamentou a desistência de Latino e emitiu um comunicado sobre o assunto:

“Lembramos que o Maior e Melhor São João do Mundo segue normalmente, com uma programação multicultural em diversos polos, trazendo mais renda e gerando mais empregos para o nosso município, além de ressaltar a valorização da nossa cultura”.

Datafolha: Maioria dos católicos e evangélicos é contra o PL antiaborto

PL do aborto mobiliza a sociedade e leva protestos às ruas em meio a  silêncio do governo; Lira sinaliza recuo

Um estudo recente realizado pelo Instituto Datafolha aponta que dois em cada três brasileiros são contrários ao Projeto de Lei 1904/2024, de autoria do deputado Sóstenes Cavalcante (PL-RJ). A pesquisa mostra também que o projeto é rejeitado pela maioria das pessoas que se declaram católicos ou evangélicos.

O projeto prevê uma alteração no Código Penal de 1940, que equiparando a pena de mulheres que realizarem aborto após a 22ª semana de gestação, em casos de estupro, à reclusão prevista para homicídio simples, que pode chegar a 20 anos.

O resultado apontou que 66% se posicionaram contrários à proposição, 29% foram favoráveis, 2% disseram que são indiferentes e 4% não souberam responder. Entre os evangélicos, 57% são contrários ao projeto, enquanto 37% são favoráveis, 2% são indiferentes e 5% não souberam responder. Entre os católicos, 68% se opõem à proposta, 28% apoiam, 2% são indiferentes e 3% não se posicionaram.

A pesquisa apontou ainda que nem todos os entrevistados estavam sabendo do projeto de lei. Enquanto 56% dos entrevistados afirmam conhecer o PL, 44% não têm conhecimento. Do total, 24% se consideram bem informados, 27% mais ou menos informados e 4% mal informados.

No Brasil, o aborto só é permitido em casos de gestação decorrente de estupro, risco à vida da mulher e anencefalia fetal. Os dois primeiros estão previstos no Código Penal, enquanto o último foi autorizado por uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) em 2012. Em todos esses casos, não há limite de idade gestacional para a realização do procedimento.

Lula diz que vai sancionar projeto que libera cassinos e jogos de azar

Lula diz que vai sancionar projeto que libera cassinos e jogos de azar

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, nesta sexta-feira (21), que deve sancionar o projeto de lei que propõe a legalização de cassinos e jogos de azar, como bingo e jogo do bicho, no Brasil. Para Lula, entretanto, não é isso “que vai salvar o país” em termos de receitas e geração de empregos.

Em entrevista à Rádio Meio Norte, em Teresina, no Piauí, o presidente disse que, se o texto for aprovado no Congresso, com acordo entre os partidos políticos, “não tem porque não sancionar”. Lula cumpre agenda de trabalho hoje na capital piauiense.

Na última quarta-feira (19), a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou, por 14 a 12 votos, relatório sobre o Projeto de Lei 2.234/2022, que veio da Câmara dos Deputados, onde foi aprovado, e tramita no Senado desde 2022. O tema agora deve ser remetido ao plenário da Casa.

Danilo Simões anuncia Edson Henrique como vice

Danilo Simões acompanha agenda de Raquel Lyra em Serra Talhada

O pré-candidato a prefeito e líder da oposição de Afogados da Ingazeira, Danilo Simões (PSD), anunciou nesta sexta-feira (21) que o vereador Edson Henrique (PP) irá compor a chapa majoritária ao seu lado. A confirmação foi feita durante uma entrevista ao programa Manhã Total da Rádio Pajeú.

Danilo também destacou a confirmação da presença da governadora Raquel Lyra no evento de oficialização de sua pré-candidatura que acontecerá no próximo dia 28 de junho.

Ele elogiou o desempenho de Edson Henrique como vereador e líder da oposição na Câmara de Afogados da Ingazeira. “Tenho certeza que Edson será um grande companheiro durante a campanha e num futuro governo, caso a gente consiga lograr êxito no nosso projeto”, afirmou Danilo.

Edson Henrique, por sua vez, expressou entusiasmo e confiança para enfrentar o novo desafio. “Sei que é um grande desafio, mas sempre pautei em encarar os desafios de frente. Nunca me oportunizei de veredas e atalhos para chegar aos meus objetivos. Eu entendo que a discussão gira em torno de algo maior para a coletividade, sobretudo relacionado às ações concretas, investimentos reais e efetividades que possam contemplar toda a população afogadense”, disse Edson.

Edson Henrique ressaltou a honra de compor a majoritária ao lado de Danilo, reconhecendo sua vocação política e a responsabilidade de representar o legado de Orisvaldo Inácio e de dona Giza Simões.

“Compor a majoritária ao lado de Danilo é uma grande honra, tendo em vista a vocação política demonstrada por Danilo. A responsabilidade que ele tem de representar o legado de Orisvaldo Inácio e de dona Giza Simões se soma ao trabalho de ter que libertar Afogados da Ingazeira do marasmo e desprezo que se encontra”, concluiu Edson Henrique.

Não existe voto em trânsito em eleições municipais

Com o primeiro turno das eleições municipais deste ano marcado para 6 de outubro, eleitoras e eleitores que não poderão participar do pleito por se encontrarem fora do local de votação devem justificar o voto. Isso porque, para eleger representantes aos cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador, não há a possibilidade de voto em trânsito. Logo, se você estiver fora do seu domicílio eleitoral no dia da eleição, não poderá votar e deverá justificar a ausência.

A votação em trânsito ocorre somente em ano de eleições gerais (votação para Presidência da República, Senado Federal, Assembleias Legislativas e Câmara Legislativa do DF, Câmara dos Deputados e Governos Estaduais), em locais de votação convencionais ou criados para essa finalidade, nas capitais e nos municípios com mais de 100.000 eleitoras e eleitores.

A justificativa deve ser apresentada, preferencialmente, pelo e-Título, aplicativo da Justiça Eleitoral. No dia da eleição, também é possível imprimir o formulário de Requerimento de Justificativa Eleitoral (formato PDF) e entregá-lo preenchido nas mesas receptoras de votos ou de justificativas instaladas pelos tribunais regionais eleitorais e pelos cartórios eleitorais.

Celular Seguro faz 6 meses: como ativar app para bloquear aparelho roubado

O Celular Seguro é um serviço para ajudar a bloquear aparelho roubado ou furtado

O aplicativo Celular Seguro foi lançado há seis meses pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública. O serviço, que foi ao ar em dezembro de 2023, facilita o registro de ocorrência e o bloqueio do aparelho após furto ou roubo, mas muita gente ainda não o baixou.

Veja como instalar a ferramenta:

Instale o app
O aplicativo está disponível para smartphones Android e iPhones. Procure na loja do aparelho por “Celular Seguro”.

Faça login
É necessário que o usuário entre em sua conta oficial no site do governo federal.

Após entrar no aplicativo, a ferramenta apresentará os Termos de Uso e Privacidade de dados para concordar com as exigências da plataforma.

Página inicial
A ferramenta conta com três opções na página inicial: pessoas de confiança, registrar telefone e registrar ocorrência.

Na primeira opção: devem ser cadastradas as pessoas que, em caso de perda, roubo ou furto do aparelho, poderão criar ocorrências em nome do usuário.

O segundo ícone diz respeito ao registro dos aparelhos que serão conectados diretamente ao CPF.

Na terceira opção, será possível criar ocorrências de forma simples.

Dados protegidos
A plataforma foi desenhada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, em parceria com a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Os celulares roubados são transformados “em um pedaço de metal inútil” após o bloqueio, explicou à época do lançamento o então secretário-executivo da pasta, Ricardo Cappelli. “Com apenas um clique, a vítima enviará um aviso simultaneamente para a Anatel, para os bancos, para as operadoras de telefonia e para os demais aplicativos.”

“Caso você seja roubado, é só acionar o sistema por um computador que operadora telefônica e bancos são notificados no mesmo instante, bloqueando acessos”, explicou na época o então ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Paulo Pimenta, em postagem nas redes sociais.

Sertão Vivo: projeto de R$ 300 milhões ajuda 75 mil famílias do semiárido a enfrentar pobreza e mudança climática

Govrnadora Raquel Lyra e presidente do BNDES, Aloísio Mercadante, participaram de solenidade, no Recife  (Foto: Mareu Araújo/DP)

Em parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o Governo de Pernambuco lançou, nesta quinta (20), o projeto Sertão Vivo.

Com o slogan “Semeando Resiliência Climática em Comunidades Rurais do Nordeste”, o projeto buscará enfrentar a pobreza e a mudança climática no interior de Pernambuco.

A solenidade aconteceu no Palácio do campo das princesas.

Segundo o governo estadual, serão investidos R$ 300 milhões em todo o Sertão de Pernambuco.

A meta é beneficiar 75 mil famílias que vivem em 55 municípios do semiárido. Agricultoras, agricultores e marisqueiros estão entre os trabalhadores atendidos.

Participaram da cerimônia a governadora Raquel Lyra, o presidente do BNDES, Aloísio Mercadante, a Diretora Sócio Ambiental do BNDES, Tereza Campello, e outros convidados.

Polícia Rodoviária Federal inicia Operação São João nesta sexta (21), em Pernambuco

A iniciativa é um dos principais esforços direcionados de fiscalização e de policiamento do órgão no estado (Foto: Divulgação/PRF)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realiza, entre sexta (21) e segunda (24), a Operação São João 2024 nas rodovias federais de Pernambuco.

A iniciativa é um dos principais esforços direcionados de fiscalização e de policiamento do órgão no estado, que tem os festejos juninos como umas de suas maiores manifestações culturais. A ideia é promover a segurança viária e a mobilidade do trânsito para quem vai curtir as festas juninas.

Centenas de pessoas já se anteciparam e pegaram a estrada para aproveitar a programação junina de Caruaru.

A PRF também se antecipou e já atenta a esta movimentação, reforçou as fiscalizações no trecho desde o início do mês.

Seguindo a tendência das prévias, a expectativa é de que haja, durante a operação, um aumento expressivo na movimentação de veículos nas BRs que dão acesso não só à capital do forró, mas também a importantes polos do São João no estado, como Gravatá, Bezerros, Arcoverde e Petrolina, que atraem visitantes locais e de outras regiões.

Nesse sentido, serão reforçadas as fiscalizações nas BRs 232, 408, 104, 407 e 428, que levam ao Agreste e Sertão do estado.

Morre Chrystian, cantor que fez dupla com Ralf

Chrystian fazia dupla com Ralf

O cantor Chrystian, que já formou dupla sertaneja com Ralf, morreu nesta quarta-feira (19), aos 67 anos.

“Com imenso pesar, a família e a equipe de Chrystian, comunicam o falecimento do nosso querido esposo, pai e artista, ocorrido no Hospital Samaritano, em São Paulo”, informou a equipe do sertanejo.

A causa da morte não foi divulgada pela equipe de Chrystian. Ele deu entrada no hospital na manhã desta quarta-feira após passar mal em casa e ficou internado, segundo sua assessoria, em virtude de diagnóstico que exigia “repouso imediato e tratamento especializado”.

Assessoria do artista, inclusive, havia comunicado o cancelamento de show programado para o dia 22 de junho em Franco da Rocha (SP). “Pedimos a compreensão de todos e agradecemos pelo apoio contínuo. Informações sobre possíveis remarcações ou reembolsos serão comunicadas em breve.”

Em fevereiro, Chrystian foi internado no Hospital do Rim, da Fundação Oswaldo Ramos, em São Paulo. Ele havia sido diagnosticado com rim policístico e receberia um transplante do órgão da esposa, Key Vieira, mas teve o procedimento adiado em virtude de um cateterismo.

Ralf, que formou dupla com Chrystian, lamentou morte do irmão. “Fizemos sempre o nosso melhor. Diante dos nossos compromissos, infelizmente não conseguimos nos despedir. Mas tenho certeza que nosso pai te encaminhará na luz junto ao senhor Jesus”, escreveu em publicação no Instagram.

CCJ do Senado aprova autorização para cassino, bingo, jogo do bicho e corrida de cavalos

O presidente da CCJ, Davi Alcolumbre, e o relator do projeto, senador Irajá, na reunião desta quarta-feira (19)

 (foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)

A Comissão de Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou nesta quarta-feira (19), por 14 votos a 12, o projeto de lei que autoriza o funcionamento de cassinos e bingos no Brasil, legaliza o jogo do bicho e permite apostas em corridas de cavalos. O texto segue agora para votação no Plenário do Senado.

O PL 2.234/2022, já aprovado pela Câmara dos Deputados, recebeu voto favorável do relator, o senador Irajá (PSD-TO), que acolheu emendas sugeridas e propôs ajustes.

Na reunião, o senador Irajá mencionou que os países que “regulamentaram com responsabilidade” os jogos e apostas tiveram crescimento social e econômico, com o aumento do fluxo de turistas. O relator afirmou que os investimentos a partir da aprovação do projeto podem chegar a R$ 100 bilhões, com a geração de cerca de 1,5 milhão de empregos diretos e indiretos. A arrecadação potencial por ano, segundo ele, seria de R$ 22 bilhões, divididos entre os estados, os municípios e a União.

— Não podemos mais perder essa grande oportunidade que outros países concorrentes já entenderam e enxergaram de gerar emprego, renda e impostos, que serão evidentemente revertidos em benefícios ao povo brasileiro nas áreas mais essenciais, como a saúde, educação, social e infraestrutura — disse.

Segundo o relator, os vários tipos de jogos atualmente considerados ilegais teriam movimentado algo entre R$ 14,3 bilhões e R$ 31,5 bilhões em 2023. A estimativa considerou como base dados do ano de 2014 com a atualização da inflação.

Danilo Simões acompanha lançamento da chapa proporcional do Partido NOVO em Afogados

O pré-candidato a prefeito e líder da oposição em Afogados da Ingazeira, Danilo Simões (PSD), juntamente com o vereador e líder da oposição na Câmara Municipal, Edson Henrique (PP), estiveram presentes na apresentação da chapa proporcional do Partido NOVO, realizada nesta terça-feira (18) no Imperial Recepções.

O evento contou com a presença do pré-candidato a prefeito do Recife, Técio Teles, do presidente estadual do NOVO, Felipe Nóbrega, do presidente municipal do partido, Artur da Unip, e do vice, Glauco Queiroz, além de diversos filiados do NOVO municipal.

Durante a cerimônia, foram confirmados os nomes dos candidatos do NOVO que disputarão vagas no legislativo afogadense: Fernanda Lima, Maria Afonso, Silvana Queiroz, Washington do Queijo, André Luiz, Willian Nunes, Silvio Marinho, Fábio Mergulhão, Oséias Alves, Nilsinho Nogueira e Júnior Santiago.

Em seu discurso, Técio Teles expressou apoio a Danilo Simões e destacou a importância da sua capacidade de interlocução política. “Danilo está junto com o governo do Estado, está conseguindo reunir grupos, tá trazendo partidos e isso aqui está com cheiro de campanha vitoriosa, tem cheiro de campanha que vai mudar a vida das pessoas de Afogados da Ingazeira porque você é decente, é honesto, não me procurou lá pra fazer acordo não, me procurou para pedir apoio porque Afogados precisa de mudanças,” afirmou Teles.

Danilo Simões, por sua vez, criticou a atual administração do município e destacou a necessidade de mudanças. “Tenho visto nas minhas andanças pelo município, a indignação das pessoas com a forma que Afogados vem sendo administrada. Parece que não existe Prefeitura para atender os anseios da população. Por isso que tenho dito que é um governo lento e inoperante,” disse Simões.

Ele também comentou sobre suas conversas com Técio Teles, afirmando que o apoio do NOVO à sua pré-candidatura foi baseado em discussões de ideias e planos para o município, sem trocas de favores. “A gente discutiu ideias, a gente discutiu Afogados da Ingazeira. Eu fiz um convite para que eles trabalhassem conosco o Plano de Governo para o município, porque são pessoas que querem o melhor para Afogados da Ingazeira e têm muito a contribuir,” afirmou.

Danilo Simões destacou seu compromisso com a população e a transparência em sua gestão. “A cidade está desprezada, parada no tempo, principalmente neste governo atual, que é lento e inoperante. Uma das coisas que as pessoas mais se queixam é de não conseguirem conversar com o prefeito. Não atende um telefone, não responde no WhatsApp, não vai na casa de ninguém e ele não tem a porta da casa aberta para ouvir o povo e é por isso que tá errando,” criticou.

Ele também apontou problemas específicos na administração atual, e a falta de prioridades. “Enquanto as estradas da zona rural estão esburacadas, ele anuncia asfalto para ruas que já são calçadas. Enquanto a gente tem rua sem saneamento, sem calçamento e com esgoto estourado, ele anuncia asfalto para rua que já tem calçamento,” concluiu.

Em ano eleitoral, Tribunal de Contas de Pernambuco alerta municípios quanto ao excesso de contratos temporários

Em sessão Plenária desta quarta-feira (19), o Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE), emitiu um alerta aos prefeitos de todos os 184 municípios pernambucanos quanto ao aumento significativo do número de contratações temporárias nos últimos anos.

Se confirmadas a irregularidade das contratações, as contas dos gestores podem ser rejeitadas, os responsáveis podem ser multados, e o TCE-PE enviará cópia do processo aos Ministérios Públicos, incluindo o Eleitoral, para fins de ações penais, de improbidade e de inelegibilidade.

Esta forma de ingresso no serviço público, embora prevista na Constituição, é exceção e precisa ser bem justificada, além de ter que seguir as regras do processo seletivo e público. A prática, quando utilizada em desacordo com os princípios constitucionais e a lei, pode comprometer a eficiência dos serviços prestados à população e o equilíbrio fiscal.

Os dados mostram que muitos municípios estão deixando de realizar concurso público e optando pelo vínculo temporário nas administrações. De acordo com levantamento da auditoria do TCE-PE, em 2023 os temporários e comissionados representavam 55% do quadro de pessoal das prefeituras municipais.

“A contratação por tempo determinado é um recurso válido à disposição do gestor, previsto na legislação, e em situações emergenciais até recomendado. No entanto, chama a atenção o aumento vertiginoso nos últimos anos desse vínculo precário, o que tem efeitos diretos na qualidade do serviço prestado à população”, disse o presidente do TCE-PE, Valdecir Pascoal, na sessão plenária.

O quadro abaixo, compara a distribuição dos temporários nas prefeituras em 2020 e 2023, apontando o crescimento em todo o Estado (quanto mais escura a cor, maior o percentual).

Diante desses resultados, e considerando que em ano eleitoral as regras de contratação são ainda mais rigorosas, o TCE-PE decidiu alertar os gestores municipais para a observância da Constituição, e acompanhar ainda mais de perto as contratações temporários, com a formalização de Auditorias Especiais, de autos de infração, e de medidas cautelares.

As Auditorias Especiais têm o objetivo de examinar com profundidade toda a política de pessoal dos municípios.

Serra Talhada deve instituir política de assistência social para população em situação de rua

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou à Prefeitura de Serra Talhada elaborar, no prazo de 120 dias, uma política municipal para a população em situação de rua, cumprindo uma série de requisitos fundamentados nos termos da decisão liminar confirmada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) na Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental nº 976 MC/DF, entre eles a proibição de remoções forçadas de pessoas em contexto de rua e, inclusive, a vedação ao recolhimento de seus bens e pertences pessoais.

As técnicas de arquitetura hostil, que são estratégias utilizadas para restringir o direito à circulação e à permanência de pessoas em situação de rua, ou o levantamentos de barreiras ao acesso a políticas e serviços devem ser vedados pela política municipal a ser implementada. O MPPE também recomenda a priorização de famílias em contexto de rua com crianças e adolescentes no acolhimento dos serviços de assistência social.

O intuito da recomendação, para o Promotor de Justiça Carlênio Brandão, é promover uma “mudança estrutural, de modo que o município empenhe esforços suficientes a garantir cidadania e dignidade à população em situação de rua, de forma a romper estigmas a ela atrelados e atenuar o grau de vulnerabilidade a qual está submetida, idealizando e implementando políticas públicas articuladas e transversais, capazes de enfrentar o aumento da pobreza extrema e o consequente incremento no número de pessoas em situação de rua”.

Conforme os dados do Diagnóstico elaborado pela equipe da Coordenação Geral de Vigilância Socioassistencial do Governo do Estado de Pernambuco, 38 famílias encontram-se em situação de rua em todo o território de Serra Talhada. A recomendação destaca a limitação desse levantamento em razão das fontes, que foram através de análise das informações do CadÚnico referente a junho de 2023, registros mensais de atendimento socioassistencial e Censo Suas.

Com base no diagnóstico, o Promotor ressalta que os números são limitados porque não incluem a parte mais marginalizada da população em situação de rua, ou seja, aquela que não se beneficia de qualquer prestação assistencial do Estado ou, ainda, aquela que sequer tem documentos de identificação.

Além disso, a recomendação destaca que a Câmara dos Vereadores de Serra Talhada discutiu um projeto de lei e reconheceu a necessidade da elaboração de um Plano Municipal voltado ao atendimento, acolhimento, abordagem e reinserção ao núcleo familiar das pessoas em situação de rua.

A recomendação foi publicada no Diário Oficial Eletrônico do MPPE de 13 de junho.

Deputados aprovam reajuste salarial de servidores do Estado de Pernambuco

Os Projetos de Lei que propõem os reajustes salariais dos servidores públicos estaduais enviados por Raquel Lyra (PSDB), no último dia (11), à Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) foram aprovados, por unanimidade, nesta quarta-feira (19).

A medida inclui professores e servidores administrativos da Educação, médicos, motoristas, docentes da Universidade de Pernambuco (UPE), assessores jurídicos do Estado e servidores da saúde e da Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa). As propostas estabelecem, de maneira equânime, que nenhuma categoria receberá abaixo da inflação e nem acima de 20%.

Os PLs também extinguem os valores de vencimento base inferiores ao salário mínimo que, historicamente, são completados com abonos.

Conforme estabelece o Projeto de Lei Complementar (PLC) nº 2052/2024, vencimento base dos professores vai aumentar de R$ 4.420,55 para R$ 4.580,57, para docentes com jornada de 200 horas mensais, e de R$ 3.315,41 para R$ 3.435,43, para aqueles com jornada de 150 horas mensais. A proposição também redefine gratificações para diferentes profissionais da Educação.