Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Enquete

Você testou nosso aplicativo?

Sim, e está funcionando perfeitamente. - 40%
Sim, mais não funcionou no meu aparelho. - 20%
Ainda Não - 40%

Total de votos: 5
A votação para esta enqueta já encerrou em: 30 Set 2017 - 00:19

Polícia investiga fraude no concurso do TJPE

O concurso do TJPE é alvo de polêmica desde a primeira segunda-feira pós prova, quando candidatos denunciaram ter presenciado falhas na fiscalização e o descumprimento de itens do edital

A Polícia Civil da Paraíba apura o envolvimento de membros de uma organização criminosa sediada em João Pessoa em fraudes no concurso do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), realizado no último domingo (15). Ao menos três integrantes do grupo especializado em fraudar concursos públicos estavam inscritos nas provas do TJPE. Policiais da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) encontraram, durante a 4ª fase da Operação Gabarito, neste sábado (21), conversas citando o concurso no aplicativo WhatsApp.

Mensagens de texto entre Flávio Luciano Nascimento Borges, um dos líderes da organização criminosa, e o guarda municipal do Recife Thiago Leão, que fez a prova do último domingo no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE), foram divulgados na imprensa, bem como áudios de uma conversa entre Flávio e o professor Dárcio Carvalho, que faz as provas de Direito, Português e Redação para o grupo.

Ao todo, foram analisados 15 mil arquivos digitais de membros da organização criminosa. De acordo com o delegado Lucas Sá, da DDF, foram repassados para a Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) os nomes de Thiago Leão e de outros dois integrantes da quadrilha inscritos para o concurso, mas o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), responsável pela aplicação das provas, não permitiu que a investigação fosse feita. "Repassamos para a PCPE a informação de que Thiago Leão, Poliane Alencar e Jamerson Hesídio fariam a prova, mas o IBFC não permitiu que os policiais entrassem no local de prova e realizassem a revista para verificar se eles estavam usando pontos eletrônicos", observou o investigador.

Os três suspeitos de fraudar o concurso do TJPE já foram presos por participarem do esquema criminoso em outros concursos. "Pelo menos 70 pessoas estão sendo investigadas. A Operação Gabarito está com cinco meses de investigações. Foram 34 presos até agora. Os primeiros presos devem ser sentenciados nos próximos dias. Destes, três mulheres estão em prisão domicilia e há mais ou menos um mês 11 foram liberados mediante habeas corpus, entre eles Thiago Leão, Poliane Alencar e Jamerson Hesídio", ressaltou.

O certame é alvo de polêmica desde a primeira segunda-feira pós prova, quando candidatos denunciaram ter presenciado falhas na fiscalização e o descumprimento de itens do edital durante o concurso. O grupo chegou a fazer um abaixo-assinado com 12 mil assinaturas pedindo a anulação.

"Em alguns concursos, como o do Ministério Público do Rio Grande do Norte, que a organizadora colaborou com o trabalho da polícia, todos os integrantes do grupo foram presos e desclassificados. Caso a gente não consiga identificar as fraudes no concurso do TJPE, a única possibilidade que eu vejo é realmente o cancelamento", afirmou o delegado.

Outras fraudes

Também são investigadas pela DDF fraudes em pelo menos quatro concursos realizados em Pernambuco. Além do TJPE, o grupo teria atuado também em provas da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE). "São pelo menos cem concursos em todo o Brasil", revelou Lucas Sá.

Modo de agir

O investigador detalhou que os criminosos contratam professores nas áreas especializadas do certame. Cada um faz as questões nas áreas que são contratados e envia imagens das respostas. A partir disso, as informações são repassadas por ponto eletrônico para os candidatos. "Normalmente os candidatos têm que pagar dez vezes o salário inicial. Inicialmente dá uma entrada e o restante após ser nomeado. Eles têm candidatos aprovados nos primeiros lugares em vários concursos", disse.

Ex-prefeito de Petrolândia é multado por falta de transparência na gestão

Resultado de imagem para tce pe

A falta de transparência pública na administração do município de Petrolândia levou o Tribunal de Contas a julgar irregular a gestão fiscal da prefeitura, relativa ao exercício financeiro de 2016, sob a responsabilidade do então prefeito Lourival Antônio Simões Neto.

O voto do relator do processo (1621000-1), conselheiro Ranilson Ramos, tomou como base o resultado de uma auditoria feita pela equipe técnica do TCE que apontou irregularidades no funcionamento do Portal de Transparência da cidade. A prefeitura, diz o relatório, descumpriu a determinação da Lei de Responsabilidade Fiscal que obriga a disponibilização de informações sobre a execução orçamentária e financeira do município na internet, para acesso público.

A não divulgação de dados como receita, despesas, planos plurianuais,  prestações de contas, entre outros, caracteriza violação e desrespeito à Constituição e pode levar à aplicação de multa pelo TCE.

O relatório de auditoria destaca que em 2016 o prefeito Lourival Simões Neto estava em seu oitavo ano de mandato à frente do município, o que evidenciou a falta de cuidado da administração com a transparência pública. De acordo com um diagnóstico feito pelo TCE que avaliou o índice de transparência em todos os 184 municípios pernambucanos, a cidade de Petrolândia alcançou um nível "crítico" nesses aspecto, ocupando a 158ª posição no ranking da transparência no Estado.

Além de não disponibilizar as informações obrigatórias, o Portal da prefeitura também deixou de atender aos requisitos tecnológicos mínimos previstos na Lei Federal nº 12.527/2011. Desta forma, em sessão realizada nesta quinta-feira (19), a Primeira Câmara julgou irregular a gestão fiscal de Petrolândia, determinando pagamento de multa ao ex-prefeito no valor de R$ 7.677,00, pelas irregularidades identificadas.

Investigação paralela revela novos indícios sobre morte de padre no interior da PB

Padre Pedro foi assassinado em Borborema

O secretário de Segurança e Defesa Social da Paraíba, Cláudio Lima, recebeu, do deputado federal Luiz Couto (PT-PB), na última sexta-feira (20), o resultado de uma investigação paralela feita pela família do padre Pedro Gomes, assassinado na casa paroquial na noite de 23 de agosto deste ano, no município de Borborema, no Brejo paraibano, a 132 km de João Pessoa. Acompanhado pela mãe, Creuza, e pelos irmãos da vítima, Geraldo, Carlos, Luiz, Manoel, Cláudio e Gláucia, o parlamentar solicitou a designação de um delegado especial, além de um promotor de Justiça para acompanhar o caso.

De acordo com o material entregue por Couto ao secretário, as informações novas sobre o crime, obtidas pela família do sacerdote assassinado, apontam que a motivação do crime pode ter sido um empréstimo realizado por Pedro a pedido de uma pessoa próxima. Junto com a documentação relatando os motivos pelos quais os parentes acreditam que o homicídio não está elucidado, foram entregues a Cláudio Lima conversas do padre com a pessoa que lhe pedira o dinheiro, nas quais o religioso fazia cobranças na tentativa de reaver a quantia. “Eu quero é meu dinheiro”, queixava-se o padre.

O secretário recebeu a documentação e prometeu reunir a equipe responsável pelo caso para analisar os pontos conflitantes entre as informações levantadas pelos parentes de Pedro Gomes e a Polícia Civil.

“Nossa intenção é esclarecer o que houve, de fato. Fui procurado pela família do Padre Pedro e intermediei o contato deles com o secretário. Acredito que essa informação do empréstimo não quitado é fundamental para que saibamos como o crime aconteceu. É provável que a motivação real do assassinato ainda não tenha vindo à tona”, disse Luiz Couto.

Do Portal Correio

Polícia encontra provas de atuação de quadrilha no concurso do TJPE


Candidatos pedem a anulação das provas

A Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) da Polícia Civil da Paraíba descobriu provas concretas de atuação de membros de organização criminosa especializada em fraudes a concursos públicos no certame do Tribunal de Justiça de Pernambuco, realizado no último domingo (15). Os policiais encontraram evidências do crime através de conversas de WhatsApp entre suspeitos, que se mostravam otimistas quanto ao sucesso no golpe. Em uma das falas, chegaram a dizer “dessa vez é praticamente impossível dá (sic) errado”. Confira imagens abaixo.

A quadrilha é investigada na ‘Operação Gabarito’, que, na sua quarta fase, em tramitação desde agosto, já conseguiu analisar, segundo a Polícia Civil, mais de 15 mil arquivos digitais de membros dela. Alguns concursos são mantidos sob sigilo, em face da continuidade das investigações.

“A operação gabarito já identificou mais de 100 concursos fraudados pela organização criminosa. As diligências atuais permitiram identificar 40 membros da organização, que atuam em diversos estados do Brasil, e mais de 200 candidatos beneficiados pelo esquema. A Polícia Civil da Paraíba está adotando todas as medidas cabíveis para a exclusão dos beneficiados em todos os concursos identificados e para a prisão dos membros da quadrilha que ainda estão em liberdade”, disse o delegado titular da DDF, Lucas Sá.

Nas imagem em destaque nesta matéria, pode-se ver um trecho de conversa entre suspeitos que combinavam a aplicação de fraude, também em concurso da Universidade Federal da Bahia. Um dos investigados em questão, segundo Lucas Sá, é um dos líderes do bando. O outro, do estado de Pernambuco, ainda está em liberdade.

Conversa entre suspeitos de fraudes em concursos

Conversa entre suspeitos de fraudes em concursos

Foto: Conversa entre suspeitos de fraudes em concursos
Créditos: Divulgação/Polícia Civil

Papa pede clero unido no Brasil diante de "escandalosa corrupção"

Resultado de imagem para papa francisco

O papa Francisco defendeu neste sábado (21) a necessidade da união do clero no Brasil diante da "escandalosa corrupção" ocorrida no país durante um encontro com a comunidade do Pontifício Colégio Pio Brasileiro de Roma.

"Neste momento difícil de sua história nacional, quando tantas pessoas parecem ter perdido a esperança em um futuro melhor pelos enormes problemas sociais e por uma escandalosa corrupção, o Brasil precisa que suas curas sejam sinais de esperança", disse o papa.

Para Francisco, os brasileiros precisam ver um "clero unido, fraterno e solidário". "Os sacerdotes precisam enfrentar lado a lado os obstáculos, sem cair nas tentações do protagonismo ou de fazer carreira", afirmou o pontífice.

"Tenho certeza de que o Brasil superará sua crise e confio que vocês atuarão nisso como protagonistas", disse o pontífice aos estudantes e membros do Pontifício Colégio Pio Brasileiro, recebidos por ele por causa do 300º aniversário da descoberta da imagem de Nossa Senhora de Aparecida, padroeira do país.

No discurso, no entanto, Francisco alertou aos estudantes que essa "nova condição" pode representar um "desequilíbrio" entre os quatro pilares que sustentam a vida de um sacerdote: a dimensão espiritual, a acadêmica, a humana e a pastoral.

E lembrou a dimensão acadêmica de sua vocação não deve resultar em um descuido das outras três, porque isso abriria as portas de algumas "doenças" para os estudantes.

Entre elas, Francisco destacou o "academicismo" e a "tentação de fazer dos estudos simplesmente um meio de afirmação pessoal que acaba sufocando a fé".

Justiça alerta para golpe por telefone em Pernambuco

Resultado de imagem para golpe por telefone

A Justiça Federal em Pernambuco (JFPE) alertou, nesta sexta-feira (20), que criminosos estão usando o nome da 4ª Vara Federal de Pernambuco, com sede no Recife, para promover possíveis golpes, por meio de ligações telefônicas. Eles dizem para as vítimas que a energia elétrica de imóvel será cortada por ordem judicial.

Os criminosos atuam, inclusive, ligando para empresas. Eles dizem que não vão cortar a energia se a vítima realizar um depósito. Além disso, os criminosos fornecem número de telefone como se pertencente à 4ª Vara Federal, que, na verdade, são atendidos por comparsas, caso a vítima queira confirmar as informações.

Por fim, informam o número de conta bancária para depósito e concedem um prazo. A 4ª Vara Federal do Recife se posicionou e esclareceu que tem competência exclusivamente criminal e que não trata de cortes de energia. A JFPE informou que as ligações telefônicas não partiram da referida Vara.

Mais de 38,3 mil pernambucanos ainda não sacaram o Abono Salarial ano-base 2015

Resultado de imagem para pis pasep

Mais de R$ 1,018 bilhão está disponível para saque para quase um milhão e meio de brasileiros que têm direito ao benefício do PIS/Pasep, de acordo com dados do Ministério do Trabalho. Em Pernambuco, R$ 27.556.535,30 estão esperando saque dos mais de 38,3 mil beneficiários que ainda não buscaram abono. O valor que cada trabalhador tem para receber é proporcional à quantidade de meses trabalhados formalmente no ano-base e pode variar de R$ 79 a R$ 937. O prazo final é 28 de dezembro de 2017, e não haverá nova prorrogação.

MPPE recomendou aos comerciantes de Betânia que não vendam bebidas alcoólicas a crianças e adolescentes

Resultado de imagem para ministerio publico de pe

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou aos comerciantes e proprietários de bares e restaurantes do município de Betânia que obedeçam ao Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e não vendam bebidas alcoólicas para crianças e adolescentes em seus estabelecimentos.

O consumo de bebidas alcoólicas por menores é prejudicial. Compromete o desenvolvimento social, psicológico e físico das crianças e adolescentes, podendo causar dependência química, bem como facilitar a entrada para outras drogas ilícitas. Os comerciantes flagrados neste tipo de prática poderão ser responsabilizados de forma administrativa, civil ou criminal pela conduta nos termos do artigo 29 do Código Penal.

Ainda de acordo com o artigo 243 do ECA: vender, fornecer ainda que gratuitamente, ministrar ou entregar, de qualquer forma, a criança ou adolescente, sem justa causa, produtos cujos componentes possam causar dependência física ou psíquica, ainda que por utilização indevida, resultará em detenção de dois a quatro anos, e multa, se o fato não constitui crime mais grave.

Para não colocar ainda mais a integridade das crianças e adolescentes do município em risco, a promotora da Infância e Juventude de Betânia, Camila Spinelli Regis de Melo, recomendou que num prazo de 30 dias estejam fixados nas entradas dos estabelecimentos comerciais, em local visível o público, avisos que tratem da proibição da venda de bebidas alcoólicas, cigarros ou qualquer outra substância que cause dependência à menores, mesmo que acompanhados dos pais ou responsáveis.

A recomendação ainda frisou o papel das autoridades policiais do município para coibir e impedir a venda de produtos que causem dependências físicas ou psíquicas às crianças e adolescentes.

Candidatos fazem protesto no Recife para pedir anulação de concurso do TJPE

Candidatos inscritos no concurso público do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), realizado no domingo (15), promoveram, nesta sexta-feira (20), um protesto em frente ao Palácio da Justiça, sede do Judiciário estadual, no bairro de Santo Antônio, no Centro do Recife. Os manifestantes pedem a anulação do certame, sob alegações de fraudes e não cumprimento do edital, além de outras irregularidades na aplicação da prova.

De camisa branca, nariz de palhaço e apitos, os concurseiros começaram a se reunir por volta das 10h30. Na internet, foi aberta uma petição pública, que já conta com mais de dez mil assinaturas, pedindo a anulação das provas, aplicadas pelo Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

Câmara de Vereadores de Caruaru coloca parede de vidro e separa população dos vereadores

A Câmara de Vereadores de Caruaru realizou adaptações no plenário da Casa. Uma parede de vidro que custou R$ 4 mil foi colocada entre os vereadores e a galeria, onde fica o público que acompanha as reuniões.

Outra novidade é que cada um dos 23 parlamentares ganhou um computador nas bancadas, para utilização durante as reuniões, no valor de cerca de R$ 800 cada. Uma das aquisições que chamou mais atenção foi a de uma televisão, que fica atrás da mesa diretora e serve como placar eletrônico nas votações. Segundo o presidente de Câmara, Lula Tôrres (PDT) o aparelho custou cerca de R$ 14 mil.

Televisão e computadores foram instalados na casa (Foto: Edivaldo Coelho/TV Asa Branca)

"Falo como vereador e administrador da Casa. Estamos investindo no plenário, compramos a televisão, os computadores. Precisamos resguardar mais aquele local. Lá acontecem as reuniões", disse.

Lula Tôrres também comentou sobre a instalação dos vidros. Ele não considera que a parede afasta os vereadores da população. "Esses vidros não tiram o acesso do povo aos vereadores. Os gabinetes estão abertos, os vereadores atendem de manhã e a tarde. Tenho certeza que no futuro a população vai entender que essa é uma medida de zelo", comentou o presidente.

Por meio de nota, a Câmara de Vereadores de Caruaru informou que o "intuito do novo equipamento é garantir segurança ao patrimônio público do município".

A nota ainda disse que as pessoas que quiserem falar com algum vereador "podem sinalizar ou procurar alguém para ser atendido".

Do G1 Caruaru

PT reúne diretórios e lideranças do Sertão em Serra Talhada

Resultado de imagem para bruno ribeiro e humberto costaResultado de imagem para bruno ribeiro e humberto costa
Bruno Ribeiro e Humberto Costa estarão presentes

O Partido dos Trabalhadores de Pernambuco (PT-PE) reunirá, em plenária, os diretórios municipais, lideranças, prefeitos e parlamentares da legenda nas regiões do Sertão do Pajeú, Moxotó, Central e Itaparica. O encontro acontecerá no próximo domingo (22), na Câmara de Vereadores de Serra Talhada, das 9h às 17h, e será palco para a sigla debater a conjuntura nacional, estadual e eleições de 2018, além da organização partidária na região.

Durante o encontro, serão discutidos o fortalecimento do partido onde ele já existe, o apoio a atuação dos prefeitos e vereadores, além da reorganização partidária, com eleições extraordinária para os diretórios nos municípios onde a legenda não está organizada.

Entre outros pontos da pauta, a defesa do partido, do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a luta contra as reformas e a construção de uma candidatura do partido ao Governo do Estado. Ainda serão apresentados a Campanha Nacional de Filiação, a plataforma de programa de governo, lançada recentemente pela Fundação Perseu Abramo, e a coleta de assinatura pela anulação da reforma trabalhista.

Participarão do debate o presidente estadual do PT, Bruno Ribeiro; o senador Humberto Costa; o prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque; o deputado estadual Odacy Amorim; a secretária de Organização Estadual, Ângela Cristina; e representantes de movimentos sociais como CUT, Fetape e MST.

Municípios envolvidos na plenária:

Região do Sertão do Pajeú: Serra Talhada, Afogados da Ingazeira, Brejinho, Calumbi, Carnaiba, Flores, Iguaracy, Ingazeira, Itapetim, Quixaba, Stª Cruz da Baixa Verde, Stª Terezinha, São José do Egito, Solidão, Tabira, Tuparetama, Triunfo.

Região do Sertão Central: Serra Talhada,Cedro,Mirandiba, Parnamirim, Salgueiro, São José do Belmonte, Serrita, Terra Nova, Verdejante,Arcoverde, Betânia, Custódia, Ibimirim, Inajá, Manari, Sertânia.

Região do Sertão do Moxotó: Arcoverde, Betânia, Custódia, Ibimirim, Inajá, Manari e Sertânia.

Região do Sertão Itaparica: Belém de São Francisco, Carnaubeira da Penha, Floresta, Itacuruba, Jatobá, Petrolândia, Tacaratu.

Salgueiro: Quatro morrem e dois são presos em operação contra quadrilha que roubava carros-fortes e bancos em quatro estados

Quatro mortos, dois presos e diversas armas apreendidas. Esse foi o saldo da operação que desarticulou uma quadrilha especializada em assaltos a carros-fortes e instituições financeiras com atuação em cidades de Pernambuco, Paraíba, Ceará e Maranhão. Um policial militar do Ceará está entre os presos, apontado como o “braço armado” do esquema.

Os detalhes da operação, que incluiu as polícias Civil, Militar e Federal através da força-tarefa Bancos, foram apresentados no Recife, nesta quinta-feira (19). Comandante do Batalhão Especializado de Polícia do Interior (Bepi), o tenente-coronel Ely Jobson explica trabalhos de inteligência apontaram que a quadrilha estaria na zona rural de Salgueiro.

“Montamos um bloqueio no Sítio Quixaba 1. Os policiais deram ordem de parada, mas os marginais não pararam”, explica o comandante, apontando que houve troca de tiros e dois homens morreram na hora, enquanto os outros fugiram pela caatinga.

Houve, então, perseguição pela caatinga e uma nova troca de tiros, em que um terceiro homem foi morto. Na tarde desta quinta, um quarto suspeito de envolvimento também morreu em confronto com a polícia, em Salgueiro. “Foi feito cerco, tentou-se negociação. Ele reagiu, estava armado com fuzil e ele veio a morrer”, explica Jobson.

Segundo a polícia, este quarto homem havia sido preso cinco vezes, sendo quatro delas por assalto a bancos. Todos os envolvidos, com exceção do policial militar do Ceará, já tinham passagens pela polícia, de acordo com os investigadores.

Armamento apreendido com quadrilha fez investigadores acreditarem que grupo estava a caminho de assaltar carro-forte no interior de Pernambuco (Foto: Divulgação/PM)

Pela quantidade de armas apreendidas com a quadrilha, a polícia acredita que eles se preparavam para assaltar um carro-forte que passaria pela BR-232, em direção a Salgueiro, no horário aproximado da operação. “Temos várias investigações em andamento. Aqueles que não se renderam durante a abordagem, morreram no confronto”, aponta o chefe da Polícia Civil, delegado Joselito Kerhle.

Líderes

Um dos líderes do esquema é um preso que se encontra dentro do presídio de Salgueiro, sendo o sétimo integrante do grupo criminoso. Segundo o delegado, ele era o mentor intelectual do grupo, enquanto o PM do Ceará seria o braço armado da quadrilha.

“O policial, embora fosse destacado no Ceará, morava em Salgueiro, de onde comandava e articulava com os demais a atuação fora do presídio. Ele fornecia o suporte, o armamento, os veículos necessários. Foram vários fuzis e armas curtas, como pistolas, apreendidos. Tudo isso era fornecido e favorecido com a participação do policial e do outro braço direito da organização”, detalha o chefe da Polícia Civil pernambucana.

Os investigadores acreditam que o policial, aproveitando-se da posição que ocupava, transportava os armamentos utilizados pela quadrilha.

Do G1 PE

Novo prédio da UPE em Arcoverde será inaugurado com anúncio de concurso para professores

Resultado de imagem para paulo camara em arcoverde

Nesta sexta-feira, o governador Paulo Câmara estará nas cidades de Arcoverde e Sertânia, para entregar ações e vistoriar obras nas áreas de segurança, educação, recursos hídricos e transportes. O chefe do Executivo estadual irá inaugurar o prédio definitivo do campus da Universidade de Pernambuco (UPE) de Arcoverde. O empreendimento, cujo investimento total foi de R$ 6.195.413,82, está instalado em uma área de 20 mil metros quadrados (m²) e beneficiará toda a população da região.

O novo prédio irá dispor, entre outras dependências, de 20 salas de aula, um laboratório de informática, quatro de odontologia, 12 consultórios odontológicos, uma sala de radiologia, outra de vídeo-conferência, nove salas administrativas e uma biblioteca. Ainda no âmbito da educação, Paulo irá lançar o edital de licitação para realização de Concurso Público de Provas e Títulos para Docente (CPD) para professores na categoria de Professor Auxiliar, Professor Assistente e Professor Adjunto, do quadro efetivo de Pessoal da UPE. Ao todo, serão 108 vagas para atuar nos cursos de Educação Superior, em níveis de graduação e pós-graduação.

Ainda em Arcoverde, Paulo aproveitará a ocasião para oficializar a renovação da frota do 3º Batalhão da Polícia Militar de Arcoverde, com a entrega de 26 viaturas este ano. O 3º BPM abrange os municípios de Arcoverde, Buíque, Custódia, Ibimirim, Itaíba, Manari, Pedra, Sertânia, Tupanatinga e Venturosa, formando a Área Integrada de Segurança 19 (AIS-19). Em seguida, o governador realizará visitas à Escola Noé Nunes Ferraz, onde entregará uma quadra coberta, e às obras da Estação Elevatória da Adutora do Moxotó.

À tarde, no município de Sertânia, o governador irá vistoriar as obras da Estação de Captação da Adutora do Moxotó. Na sequência, irá inaugurar o Contorno Viário de Sertânia, localizada no trecho da divisa entre Pernambuco e Paraíba (Pernambuquinho Km-0) e a BR-232 (Cruzeiro do Nordeste), nos segmentos Km 61,4 – Km 68,9. A nova via, cuja extensão é de 7,5 quilômetros, foi realizada pelo Governo de Pernambuco, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), e evitará que dois mil caminhões circulem mensalmente pelo centro urbano da cidade. Ao todo, serão beneficiadas diretamente mais de 35 mil pessoas.

Ministro Gilmar Mendes falou com Aécio em dia de decisão

Resultado de imagem para aecio e gilmar

O ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), conversou com o senador Aécio Neves (PSDB-MG) no dia 25 de abril de 2017, quando deu decisão favorável ao tucano para que ele não precisasse prestar depoimento à Polícia Federal em um dos inquéritos da Lava Jato.

A informação consta de relatório da PF incluído em uma das ações que tramitam no tribunal. O documento, datado de 15 de agosto de 2017, não está sob sigilo na corte. No total, considerando dois celulares de Aécio e em dois períodos diferentes, há o registro de 46 ligações por meio de WhatsApp entre eles.

O conteúdo das conversas é desconhecido. A PF fez uma análise dos telefones de Aécio apreendidos em 18 de maio, na Operação Patmos. Em um dos aparelhos estão registradas 38 chamadas entre os dias 16 de março e 13 de maio de 2017.

Aécio ligou 25 vezes para Gilmar. Destas, conseguiram se falar 12 vezes -as chamadas duraram entre dois segundos e oito minutos e 34 segundos. Há registro de sete ligações perdidas de Gilmar para Aécio.

Bate-boca: Audiência sobre o Pacto pela Vida é interrompida

A audiência pública que debatia a segurança pública em Pernambuco e o Pacto pela Vida foi interrompida antes de terminar, no início da tarde desta quinta-feira (19), devido a uma discussão entre os parlamentares. 

O primeiro a falar foi Silvio Costa Filho (PRB), líder da oposição, que apresentou as 16 propostas para melhorar a segurança no Estado. Em seguida, o secretário Márcio Stefanni, de Planejamento e Gestão, passou 80 minutos apresentando o programa – ele usou o tempo de todos os secretários presentes. 

Alguns deputados, como Silvio Costa Filho e Edilson Silva (PSOL) ficaram incomodados com o tempo e a quantidade de slides apresentados.

Após a explanação, chegou a vez da oposição falar. Então, Joel da Harpa (Podemos) usou o espaço. A cada deputado oposicionista foi concedido cinco minutos de fala. 

Joel da Harpa, no entanto, não respeitou o tempo estabelecido e foi iniciado um bate boca entre os deputados. A discussão ganhou tal proporção que culminou na interrupção da audiência pública. 

O debate ocorria no auditório Sérgio Guerra a pedido da bancada de oposição na Casa e realizada pela Comissão de Administração Pública da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).

Pesquisa no Blog

Rádio Web Acauã HD Full

Nosso Aplicativo

EM  TESTE...
Baixe Nosso aplicativo em:

 

 
BAIXAR

 

        

 

Link´s Para Rádio Web

Android / iOS / Windows Phone

         

Publicidade

 

 

 

 

Provedor de Internet em
Afogados da Ingazeira - PE