“Missão é consolidar banco como vetor de desenvolvimento da região”, disse Paulo Câmara ao assumir BNB

Divulgação / BNB

Ao tomar posse como presidente do Banco do Nordeste (BNB), nesta quarta-feira (29), o ex-governador de Pernambuco, Paulo Câmara, destacou em seu discurso o diálogo e a transparência, além da missão de consolidar o banco como o principal vetor de desenvolvimento da região.

Paulo Câmara assume a presidência do BNB à convite do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), a nomeação foi aprovada pelo Conselho de Administração do Banco do Nordeste. Ele substitui o também economista José Gomes da Costa, que estava à frente da instituição desde janeiro de 2022.

“Para quem é nordestino, como eu, a sigla BNB é sinônimo de credibilidade, solidez e qualidade. Ter apoio do Banco do Nordeste é garantia de um parceiro forte para estados, municípios, organizações sociais, agricultores e empreendedores de uma maneira geral”, disse Câmara.