Prêmios esquecidos nas loterias somam R$ 2,5 bilhões desde 2015

Há quem diga que quem tem sorte no jogo tem azar no amor, e vice-versa. Se for isso mesmo, nos últimos anos, muitas pessoas tiveram azar no amor e sorte no jogo… Só que uma galera não aproveitou essa “mãozinha do destino”. Mais de R$ 2,5 bilhões não foram resgatados pelos apostadores das loterias da Caixa desde 2015. Só em 2021, foram R$ 586,8 milhões “esquecidos”.

O maior prêmio único já esquecido na história das loterias da Caixa foi de um apostador que não apareceu e perdeu R$ 162,2 milhões. A “fezinha” feita em São Paulo acertou as seis dezenas da Mega da Virada de 2020, mas o ganhador deixou escapar a bolada.

Expoagro de Afogados poderá mudar de data

Em Afogados, Secretário descarta realização da Expoagro - Blog Mais Pajeú

O prefeito de Afogados da Ingazeira, Alessandro Palmeira (PSB), informou na manhã desta terça (17) no programa Manhã Total na Rádio Pajeú, que há possibilidade de mudar a data da realização da Expoagro, sendo realizada uma semana depois da data normal do evento, onde sempre foi do dia 29 de junho a 1 de julho.

A justificativa e a dificuldade em fechar contrato com cantores devido a maioria já está com agenda fechada durante esse período, já que engloba o São Joao e São Pedro.

Mas, independente da mudança da data ou não, o prefeito confirmou que haverá a Expoagro este ano. Quanto a questão das atrações, o gestor disse que os nomes de ‘peso’ (artista(s) nacional(s)) serão divulgados a medida em que o contrato for formalizado.

Como aconteceu em uma edição da Expoagro, também está sendo discutida a possibilidade do ingresso solidário em que as pessoas que forem ao evento, trocam um quilo de alimento pelo ingresso.

Após transferência de domicílio eleitoral, PF investigará o casal Moro

 (Foto: Reprodução/Instagram)

O Ministério Público de São Paulo (MP-SP) pediu que a Polícia Federal investigue se o ex-juiz Sergio Moro e a mulher dele, a advogada Rosângela Moro, cometeram fraude ao transferirem o domicílio eleitoral de Curitiba para a capital paulista.

O promotor Reynaldo Mapelli Júnior disse que as primeiras explicações enviadas pelo casal “não convencem” e que é preciso aprofundar a investigação.

Por lei, a mudança de domicílio eleitoral demanda comprovação de que o novo endereço venha sendo usado há pelo menos três meses. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) também já decidiu que a alteração exige “vínculos políticos, econômicos, sociais ou familiares”.

Ao justificar a transferência, a defesa do ex-juiz disse que São Paulo virou seu “hub” para voos. Moro também afirmou que, desde dezembro, um hotel na capital paulista passou a ser “sua residência primária e base política”. Ao mudar o cadastro na Justiça Eleitoral, porém, usou um contrato de locação assinado dois dias antes da alteração.

Para justificar o vínculo com a capital paulista, Moro informou ao MP que recebeu honrarias no estado e que trabalhou para a consultoria americana Alvarez & Marsal. Já Rosângela afirmou que, desde 2016, presta serviços para uma associação de pessoas com doenças raras sediada em São Paulo.

“(É uma) situação que, por si só, exige uma investigação criminal para verificar se a inscrição foi fraudulenta ou não, inclusive considerando a aparente fragilidade dos demais vínculos alegados a posteriori (no caso de Sergio, as honrarias que não foram conferidas pela municipalidade de São Paulo, o contrato com empresa novaiorquina que teria sede na capital paulistana e o núcleo político que diz ter se dado em outro local, o Hotel Continental; no caso de Rosângela, o contrato de prestação de serviços com um associação de defesa de pessoas com doenças raras e outras deficiências, que tem sede na capital paulistana”, anotou o promotor.

O pedido para investigar o casal foi feito pela empresária Roberta Luchsinger, filiada ao PSB, no mês passado. Recém-filiados ao União Brasil, Moro e Rosângela são paranaenses. Os dois transferiram os domicílios eleitorais com a intenção de lançarem candidaturas ao Legislativo.

Prefeito, primeira-dama e cantor são suspeitos de desvio milionário

Segundo a PF,  parte do dinheiro desviado foi usado para para tentar impulsionar a carreira musical de empresário Almir Mathias.

A Polícia Federal (PF) investiga o desvio de R$ 150 milhões das áreas de educação e saúde na cidade de Guarujá, no litoral paulista. O prefeito afastado Válter Suman (PSDB) e o empresário Almir Mathias da Silva, que teria usado parte do dinheiro desviado da Saúde para impulsionar a sua carreira como cantor, estão entre os suspeitos do esquema milionário, segundo o Fantástico, da TV Globo.

Entre 2018 e 2021, Almir Mathias representou uma organização social que foi contratada para gerenciar o atendimento nas principais unidades de saúde da cidade. Mas, segundo a investigação, dos R$ 153 milhões recebidos pela prefeitura, ele desviou R$ 109 milhões. O dinheiro teria sido usado para impulsionar a carreira de cantor de Mathias.

Investigadores também suspeitam do desvio de mais R$ 30 milhões na Secretaria de Educação do município. que seria destinado para o custeio da merenda. A polícia suspeita que o esquema era liderado pelo prefeito e sua esposa, a primeira-dama Edna Suman, e tinha o secretário de Educação, Marcelo Nicolau, como operador das transações.

Valter Suman foi afastado do cargo pela Justiça. Ele e a primeira-dama estão com tornozeleira eletrônica. Já Almir Matias foi indiciado pelos crimes de corrupção ativa, organização criminosa e lavagem de dinheiro, segundo a reportagem.

Paraná Pesquisas mostra Marília liderando a intenção de voto para o Governo de Pernambuco

Blog Imagem

A pesquisa eleitoral de maio do instituto Paraná Pesquisas para o Governo de Pernambuco, divulgada com exclusividade pela coluna, mostra Marília Arraes (SD) liderando a corrida. É a primeira vez que o levantamento testa a ex-petista como pré-candidata ao executivo.

No levantamento estimulado, quando apresenta-se os nomes dos pré-candidatos aos entrevistados, Marília Arraes fica com doze pontos percentuais de vantagem com relação a Raquel Lyra (PSDB), pré-candidata que ocupa o segundo lugar no ranking de intenção de voto ao Governo de Pernambuco.

Ela aparece empatada tecnicamente com Miguel Coelho (UB), terceiro colocado, que por sua vez está empatado tecnicamente com Anderson Ferreira (PL), quarto lugar na pesquisa eleitoral. Danilo Cabral, que nesta semana marcou a presença do PT à sua chapa lançando Teresa Leitão ao Senado, ficou em quinto lugar.

Os candidatos mais à esquerda, João Arnaldo (PSOL) e Jones Manoel (PCB), ocupam as últimas posições no ranking de intenção de voto ao Governo de Pernambuco. Juntos, eles somam 2%.

Num cenário sem Raquel Lyra concorrendo ao Governo de Pernambuco, Marília Arraes chega a 34,9% de intenção de voto. No último levantamento feito pelo Paraná Pesquisas, em março, a tucana liderava com 25,8%, mas a ex-petista estava no principal cenário da disputa.

Num terceiro cenário, sem Miguel Coelho, Marília Arraes seria a maior beneficiada, ganhando 3,8 pontos percentuais. Raquel Lyra, por sua vez, soma 2,8% sem o ex-prefeito de Petrolina concorrendo ao Governo de Pernambuco.

Cenário 1

Marília Arraes (SD): 28,8%
Raquel Lyra (PSDB): 16,0%
Miguel Coelho (UB): 13,6%
Anderson Ferreira (PL): 12,1%
Danilo Cabral (PSB): 7,1%
João Arnaldo (PSOL): 1,3%
Jones Manoel (PCB): 0,7%
Branco ou nulo: 13,5%
Não sabe ou não respondeu: 7%

Cenário 2

Marília Arraes (SD): 34,9%
Miguel Coelho (UB): 15,4%
Anderson Ferreira (PL): 12,8%
Danilo Cabral (PSB): 8,3%
João Arnaldo (PSOL): 2,2%
Jones Manoel (PCB): 1,5%
Branco ou nulo: 17,0%
Não sabe ou não respondeu: 7,9%

Cenário 3

Marília Arraes (SD): 32,6%
Raquel Lyra (PSDB): 18,8%
Anderson Ferreira (PL): 12,6%
Danilo Cabral (PSB): 7,7%
João Arnaldo (PSOL): 1,4%
Jones Manoel (PCB): 0,9%
Branco ou nulo: 18,2%
Não sabe ou não respondeu: 7,7%
Para o segundo turno, foram testados os seguintes cenários:

– Marília Arraes (SD) 51,4% x 18,7% Danilo Cabral (PSB) | B/N: 23,4%
– Raquel Lyra (PSDB) 41,8% x 20,3% Danilo Cabral (PSB) | B/N: 27,5%
– Miguel Coelho (UB) 35,0% x 22,7% Danilo Cabral (PSB) | B/N: 30,9%
 – Danilo Cabral (PSB) 29,1% x 28,1% Anderson Ferreira (PL) | B/N: 33,2%

Rede Globo é condenada a pagar R$ 10 mil a acusado de invadir celular de Moro

Sergio Moro, que teve o celular hackeado - ReproduçãoO Tribunal de Justiça de São Paulo condenou a Rede Globo a pagar uma indenização por danos morais de R$ 10 mil a Danilo Cristiano Marques, um dos suspeitos de participar do hackeamento do celular do ex-juiz Sérgio Moro e de outras autoridades.

Danilo foi detido em 23 de julho de 2019 pela Polícia Federal, durante na Operação Spoofing, que investigava a invasão dos celulares. Ao noticiar o fato, o portal G1 (São Carlos e Araraquara) disse que o rapaz possuía uma condenação por roubo, o que não era verdade.

Ministério Público vai investigar contratações de shows em Bom Conselho

Sexo, trapalhadas e embriaguez: cenas de show de João Gomes no RN viralizam  nas redes sociais | Rio Grande do Norte | G1

O Ministério Público de Pernambuco, em Bom Conselho, Agreste de Pernambuco, vai investigar a abertura de processo de inexigibilidade de licitação para contratação de shows para o período junino por parte da Secretaria de Educação do município.

A Promotoria deu um prazo de 10 dias para o prefeito do município enviar o processo que trata dos eventuais contratos, comprovantes de liquidação e empenho.

Veja a nota da Promotoria

A Promotoria de Justiça de Bom Conselho instaurou Notícia de Fato 01762.000.018/2022 para apuração dos fatos sobre o município de Bom Conselho, através da Secretaria de Municipal de Educação, ter determinado a abertura de processo de inexigibilidade de licitação para contratação de shows para o período junino, em preço superior a um milhão de reais.

Por meio de ofícios, no prazo de 10 dias, a Promotoria de Justiça solicita ao prefeito de Bom Conselho cópia do processo de inexigibilidade de que tratam as matérias, eventuais contratos, empenhos ou comprovantes de liquidação, bem como informações a respeito do período em que se pretende realizar as festividades noticiadas, e qual o valor total a ser gasto com o evento, incluindo todas as outras despesas previstas.

Neste mesmo prazo, também foi solicitado ao gestor municipal informações das despesas não adimplidas pelo município de Bom Conselho, nesse exercício e até esse momento, incluindo aí os passivos decorrentes de cobranças extrajudiciais ou de ações judiciais, ou mesmo previdenciária gerada pela ausência de repasses.

Morre, aos 58 anos em Pernambuco, Breno Silveira, diretor de ‘Dois Filhos de Francisco’

Morre o cineasta Breno Silveira, aos 58 anos | Cultura | O Globo

Morreu na manhã deste sábado (14), em Limoeiro, Agreste de Pernambuco, o cineasta Breno Silveira, aos 58 anos. Diretor da produtora Conspiração, ele ganhou fama pelo filme “Dois Filhos de Francisco”, seu primeiro longa-metragem, sobre a trajetória da dupla Zezé Di Camargo e Luciano, uma narrativa pelo olhar do pai deles, Francisco.

Silveira sofreu um infarto durante o primeiro dia de filmagens do filme “Dona Vitória”, estrelado por Fernanda Montenegro.

O cineasta chegou a ser socorrido, mas a parada cardíaca foi irreversível. A equipe do filme foi a Limoeiro para rodar as cenas da infância da protagonista.

Silveira fez ainda “Era uma vez” e “Gonzaga: de Pai pra Filho”, com Júlio Andrade. Recentemente, dirigiu “Dom”, série brasileira de maior sucesso da Amazon Prime Video, cuja 2ª temporada havia acabado de filmar, com Gabriel Leone e Flávio Tolezani.

Também foi diretor de fotografia do filme “Carlota Joaquina”, de Carla Camurati e assinou a direção de “Entre Irmãs”, com Marjorie Estiano e Nanda Costa, e de “Um Contra Todos”, série indicada ao Emmy Internacional, de quatro temporadas, feita para a FOX, com Júlio Andrade.

CNJ afasta juíza eleitoral que publicou mensagens de apoio a Bolsonaro

 (Foto: Gil Ferreira/Agência CNJ)

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu por unanimidade afastar a juíza Regiane Tonet dos Santos, do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), de suas atribuições na Corte. A decisão foi embasada em denúncia do PT, de 2019, contra os posicionamentos da magistrada, nas redes sociais, favoráveis ao presidente Jair Bolsonaro.

Segundo o CNJ, o documento apresentado pelo partido mostra “diversas postagens da juíza em seu perfil nas redes sociais que trazem críticas a políticos, autoridades e membros do Supremo Tribunal Federal (STF)”.

Em um dos posts, Tonet se referiu ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na época da condenação dele pelo caso do triplex do Guarujá: “Muito mais do que a punição de um mero corrupto, essa condenação materializa os conhecidos jargões de que ninguém está acima da lei e que a Justiça atinge a todos”.

Mulher é suspeita de receber 96 auxílios emergenciais em Minas Gerais

 (Foto:  Polícia Federal / Divulgação)

Uma mulher foi alvo de uma operação deflagrada pela Polícia Federal (PF), nesta quinta-feira (12), por suspeita de fraude no recebimento do auxílio emergencial, programa criado pela União que garantiu renda mínima a pessoas vulneráveis durante a pandemia de COVID-19. Ela teria embolsado pelo menos 96 benefícios.

Um mandado de busca e apreensão foi cumprido na casa da mulher, na cidade de Córrego Fundo, na Região Centro-Oeste de Minas Gerais. A mulher teria recebido o dinheiro por meio de boletos bancários, informou a PF.

Congresso mantém emendas sem transparência e dribla STF

Piora avaliação do Congresso Nacional, mostra Datafolha - Jornal O Globo

Os documentos entregues pelo Congresso ao STF (Supremo Tribunal Federal) em resposta a ações que questionam as emendas de relator seguem sem dar transparência à destinação da verba política e podem configurar um drible à decisão dos ministros da corte.

Os dados sobre esse tipo de recurso, que se converteu em mecanismo de negociação entre o Planalto e o Congresso, constam na documentação sobre a distribuição da verba parlamentar enviada na segunda-feira (9) pelo Senado ao Supremo.

O material é composto por cem documentos. As planilhas se referem a informações fornecidas por 340 deputados federais e 64 senadores, que representam 68% dos 594 parlamentares do Congresso. Além da falta de resposta de 190 parlamentares, muitos documentos entregues ao Supremo estão incompletos.

Na prática, a ausência de um padrão na divulgação dos dados impossibilita a identificação dos padrinhos dessas emendas, carimbadas com o código RP9. Muitos parlamentares entregaram documentação que traz apenas o número de identificação das emendas apoiadas.

Dessa forma, não é possível determinar só com essa informação quais são os valores e os municípios beneficiados. A forma como os parlamentares responderam também torna impossível dizer exatamente quanto cada congressista de fato apadrinhou.

Dos 64 senadores que responderam ao ofício, 12 apresentaram dados incompletos sobre as indicações.

Prefeitura em Pernambuco que vai gastar dinheiro da Educação pra fazer shows, responde a alerta por escola com risco de desabamento

Reprodução

No dia 22 de março de 2022, o Tribunal de Contas do Estado enviou um alerta de responsabilização para a prefeitura de Bom Conselho, no Agreste, por causa do risco de desabamento em uma escola da cidade. A “imediata recuperação” da escola Augusto Tenório Sobrinho foi apontada no alerta assinado pela conselheira Teresa Duere.

Essa informação preliminar é importante antes de se perguntar o que passa pela cabeça da secretária de Educação do município ao destinar R$ 1,2 milhão do Fundo Municipal de Educação para pagar artistas que vão se apresentar no São João de Bom Conselho?

Fachin reage a Bolsonaro e diz que eleição é assunto de civis e de ‘forças desarmadas’

O ministro do STF que deu todos os recados | VEJA

O presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Edson Fachin, disse nesta quinta-feira (12) que quem trata das eleições são as “forças desarmadas”.

A declaração foi feita em um momento em que o presidente Jair Bolsonaro (PL) amplia insinuações golpistas, ataques às urnas e dias após o TSE negar sugestões das Forças Armadas ao processo eleitoral.

“A Justiça Eleitoral está aberta a ouvir, mas jamais está aberta a se dobrar a quem quer que seja tomar as rédeas do processo eleitoral”, disse ainda Fachin à imprensa durante evento no tribunal para testes do sistema eleitoral.

Secretaria de Educação de Bom Conselho, no Agreste de Pernambuco, vai pagar R$ 350 mil para cantor de piseiro João Gomes fazer show

Divulgação

A Secretaria Municipal de Educação de Bom Conselho, no Agreste de Pernambuco, vai pagar R$ 1.120.000,00 (um milhão cento e vinte mil reais) para vários cantores se apresentarem nos festejos juninos do município. Enquanto isso, no Recife, o prefeito João Campos (PSB) deve gastar R$ 2 milhões só com decoração para o período.

O maior cachê vai para o cantor de piseiro pernambucano João Gomes, que vai receber R$ 350 mil da prefeitura do interior pernambucano. Trata-se de um cantor e compositor brasileiro de piseiro, tendo alcançado destaque nacional já com o seu álbum de estreia, tornando-se o cantor mais ouvido do país no ano de 2021.

Na cidade de Serra Talhada, houve show com João Gomes, no valor de R$ 350 mil, mas a diferença é que o custo foi arcado pela Empetur, de acordo com extrato publicado no DO.

Saiba mais sobre os valores e demais artistas contratados:

– A dupla César Menotti e Fabiano foi contemplada com cachê de R$ 200 mil
– A cantora Priscila Senna vai receber R$ 120 mil
– Já Marcinho Sensação vai receber R$ 200 mil de cachê
– A VF Shows Produções LTDA, do cantor Vitor Fernandes e Banda, vai receber R$ 200 mil
– Para a Sim Serviços de Organização de festas, eventos e formatura LTDA, do Luka Bass, é destinado valor de R$ 50 mil

Todas as informações constam do Diário Oficial. Segundo o ato, os valores serão pagos pelo Fundo Municipal de Educação da cidade. A inexigibilidade de licitação para pagar os artistas está assinada pela secretária municipal de Educação. Bom Conselho, no Agreste de Pernambuco, tem 58 mil habitantes.

Pernambuco registra terceiro caso suspeito de hepatite misteriosa

Hepatite misteriosa: Pernambuco registra segundo caso suspeito

O terceiro caso suspeito de uma hepatite aguda grave, com origem ainda desconhecida, foi notificado pela Secretaria de Saúde de Pernambuco nesta quarta-feira (11). Essa é a segunda criança no estado, além de um adolescente, com o diagnóstico que vem gerando um alerta nas autoridades de saúde de todo o mundo.

Essa terceira notificação apontou uma menina de três anos, moradora de Glória do Goitá. Ela chegou ao Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip) no início do mês, apresentando sintomas de febre, pele amarelada (icterícia) e volume na região do abdômen, e segue internada para receber assistência médica e fazer exames complementares.

Antes dela, outros dois casos já haviam sido registrados pelo governo local. O primeiro, um bebê do gênero masculino e de um ano, que mora em Totirama e ficou sendo monitorado no Hospital Mestre Vitalino, na cidade de Caruaru, até o dia seis desse mês, quando recebeu alta.

O segundo caso notificado foi de um adolescente de 14 anos. O garoto é da cidade de Salgueiro e segue internado. Primeiramente, ele foi levado ao Hospital Getúlio Vargas, e depois transferido para o Hospital Universitário Oswaldo Cruz, onde permanece até então.

De acordo com uma nota divulgada pela Secretaria de Saúde de Pernambuco, esses três casos permanecem sob investigação das autoridades através de exames. Um monitoramento epidemiológico nos municípios onde e doença foi encontrada também está sendo feito, segundo o governo.