Pernambuco confirma primeira morte por dengue em 2024; vítima era de Tuparetama

Mosquito Aedes aegypti transmite dengue  (Foto: Pixabay )

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) informou, nesta segunda-feira (15), que foi confirmada a primeira morte por dengue em 2024.

Segundo o Estado, a vítima da arbovirose foi um homem de 53 anos, residente em Tuparetama.

Ele morreu no dia 17 de março. A SES-PE, por meio da Diretoria Geral de Vigilância Ambiental, informou que, para serem confirmados, os óbitos por arboviroses passam por uma apuração minuciosa.
A averiguação vai desde a investigação domiciliar até a hospitalar, refazendo o trajeto do paciente no serviço.

“Depois da investigação concluída, o caso é discutido em um comitê no qual médicos, enfermeiros, sanitaristas e outros profissionais pertinentes analisam os dados colhidos para confirmar ou não a causa suspeita do óbito”, explicou o Diretor Geral da Vigilância Ambiental da SES-PE, Eduardo Bezerra.

Perfil do óbito

– Homem, de 53 anos, residente em Tuparetama
– Município de ocorrência do óbito: Caruaru;
– Comorbidades: sem comorbidade;
– Sintomas: febre, dor articular moderada, cefaleia, mialgia, dor abdominal moderada, diarreia com sangue, náuseas, vômitos com sangue, calafrios, olho vermelho sem secreção, prostração.
– Confirmação: pelo critério laboratorial.