Lula diz que Bolsonaro tem “medo de ser preso” e está com “dias contados”

Lula e Jair Bolsonaro são candidatos competitivos para a eleição presidencial de 2022.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) provocou Jair Bolsonaro (PL) e disse que o presidente da República está com os “dias contados” e tem “medo de ser preso”, caso perca as eleições deste ano.

Para o petista, estes são os motivos que levam o atual chefe do Executivo e candidato à reeleição a lançar reiterados questionamentos sobre a lisura do sistema eleitoral, sem apresentar provas. “Bolsonaro, seus dias estão contados. Não adianta desconfiar de urna. Você tem medo de perder as eleições e ser preso depois de terminar as eleições”, afirmou Lula nesta segunda-feira, 9, durante ato de lançamento da pré-candidatura do deputado federal Reginaldo Lopes (PT) ao Senado por Minas Gerais.