Com produção recorde em 2020, produção de leite em Pernambuco agora teme crise de custos

DIVULGAÇÃO

Com recorde na produção em 2020, produtores da bacia leiteira de Pernambuco já preveem um resultado de retração em 2021. No ano passado, A produção leiteira se manteve em alta e chegou a 1 bilhão e 62 mil litros, o maior volume já registrado, embora tenha apresentado uma diferença pequena, de 6,5 mil litros, sobre o resultado de 2020, segundo os dados da Pesquisa da Pecuária Municipal do IBGE, divulgada ontem (29).

Com o resultado, Pernambuco subiu um posto no volume da produção leiteira em 2020 frente ao ano anterior, ocupando o oitavo lugar nacional e a segunda posição no Nordeste, atrás apenas da Bahia.

Já o valor de produção teve um salto de 31% no período, chegando a R$ 1,67 bilhão no ano passado, deixando Pernambuco em sétimo lugar no Brasil.