Prefeito e vice-prefeito de Arcoverde tem cassação revertida pelo TSE

Em Arcoverde, Justiça Eleitoral suspende diplomação do prefeito eleito,  Wellington da LW

Na sessão desta quinta-feira (23), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve o registro de candidatura de José Wellington Cordeiro Maciel (MDB) e Israel Lima Braga Rubis (PP), eleitos prefeito e vice-prefeito de Arcoverde (PE) em 2020.

A decisão reverte a cassação e a inelegibilidade determinadas pelo Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE).

O resultado do julgamento, por maioria de votos, confirmou a decisão individual do relator, ministro Alexandre de Moraes que, em maio deste ano, afastou a condenação por abuso de poder político e econômico e permitiu a permanência dos políticos à frente do Executivo Municipal.

Ficou vencido apenas o ministro Edson Fachin, que votou para manter a decisão do TRE de Pernambuco.

No processo, a coligação adversária dos eleitos afirma que os crimes eleitorais teriam ocorrido em parceria com a ex-prefeita do município, Maria Madalena Santos de Britto (PSB).

Durante a campanha, eles teriam utilizado veículos adquiridos pela Secretaria Municipal de Saúde para realizar carreata, interditar via pública no local onde aconteceria evento de candidatos adversários e estampar a logomarca da Prefeitura em panfleto digital que anunciava uma entrevista em que Maria Madalena indicava José Wellington como seu sucessor.

Entre as acusações também estão listadas a utilização das Secretarias de Saúde e Ação Social para a distribuição de benefícios à população, a promessa de manutenção do cargo de uma apoiadora em troca da permanência dela no grupo político e a divulgação da candidatura de vereadores aliados por meio de lives.

As transmissões eram feitas pelos perfis dos candidatos nas redes sociais.

Para os ministros, as condutas comprovadamente cometidas pela chapa majoritária e pela ex-prefeita não foram graves a ponto de desequilibrar o pleito e fundamentar a inelegibilidade dos envolvidos.

No entanto, ficaram mantidas as multas pela prática de condutas vedadas em campanhas eleitorais previstas no artigo 73 da Lei nº 9.5.04/97 (Lei das Eleições).

Banheiros das escolas municipais estão em condições precárias em 60% das unidades, aponta pesquisa do TCE

Um levantamento realizado em 800 escolas dos 184 municípios de Pernambuco, apontou problemas estruturais em pelo 60% das unidades de ensino municipais inspecionadas. De acordo com dados das equipes da Coordenadoria de Controle Externo do Tribunal de Contas (TCE), responsável pela pesquisa, a condição dos sanitários nas escolas visitadas é o aspecto mais grave encontrado. Apenas 34% das unidades inspecionadas possuem banheiros para uso exclusivo dos alunos e somente em 32% das escolas, eles são exclusivos para alunos dos gêneros feminino e masculino. Ao total, há atualmente cerca de 53 mil alunos vinculados a rede municipal de ensino.

O objetivo do TCE, a partir dos dados levantados, é identificar os estabelecimentos que necessitam de mudanças e melhorias, para, em seguida, construir um diálogo estreito com as gestões. “A ideia é expor a situação atual e contribuir diretamente na regularização das escolas, conforme os relatórios de auditoria produzidos. Encaminharemos ofícios de ciência de falhas e, se necessário, alertas de responsabilização ou Termos de Ajuste de Gestão (TAGs)”, afirmou o presidente do TCE, conselheiro Dirceu Rodolfo de Melo Júnior.

De acordo com as equipes, quanto a pias, assentos e descargas dos sanitários, metade não possui nenhum dos equipamentos funcionando. Quase 90% não dispõem de banheiros adaptados para cadeirantes. Em 63% dos estabelecimentos, as portas dos banheiros e das cabines estão em condições de uso, mas apenas 46% deles contam com sabão ou sabonete para higiene das mãos.
Segundo a coordenadora de Controle Externo do TCE, Adriana Arantes, o propósito do trabalho, produzido em parceria pelos departamentos de Controle Estadual e de Controle Municipal, é a promoção da qualidade de vida e das condições de aprendizado dos estudantes, o que vai muito além da responsabilização de gestores.

As auditorias verificaram que em mais de 90% das escolas as paredes das salas de aula são de alvenaria, gesso ou similar, existindo carteiras, bancas ou cadeiras em todas as salas. No que concerne à acessibilidade, 57% não possuem rampa e 53% não têm espaços de aula acessíveis a cadeirantes.

Em 5% dos estabelecimentos não há fornecimento de energia elétrica. A maioria possui abastecimento de água por meio de cisterna ou poço artesiano e em 85% os sistemas de esgotamento sanitário presentes são por fossa, sumidouro ou similar.

Procon-PE interrompe Vaquejada na Zona da Mata do Estado

 (Foto: Procon-PE/Divulgação)

Na noite desta quarta-feira (22), fiscais do Procon Pernambuco receberam denúncias de irregularidades e risco sanitário no evento ‘Bodega do Vaqueiro’, no Parque Roberta Urquiza, em Vitória de Santo Antão. Ao chegar no local, a equipe encontrou além do campeonato que acontecia no espaço, show de forró e transmissão ao vivo pelo Youtube. Muitas pessoas estavam desrespeitando as normas do decreto estadual vigente, o que ocasionou a interrupção do evento por parte do Órgão. O evento não se enquadra em evento teste, pois não solicitou autorização da Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

Os fiscais constataram muitas irregularidades por parte da organização do evento e do público. Boa parte dos presentes no evento não estavam portando máscara ou cumprindo a distância física, nas mesas, foram identificados alguns espaços com o número maior de consumidores do que é permitido (10 pessoas), haviam mesas com 11 e 14 pessoas. No ato da fiscalização também foi possível identificar pessoas dançando entre as mesas e consumindo bebidas em pé.

“Há protocolos vigentes e que precisam ser rigorosamente seguidos para que possamos continuar avançando na questão econômica, mas sem comprometer o sistema de saúde e a vida das pessoas“, explica o secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico.

Ipec: Lula lidera 1º turno em 2022, mais de 20 pontos à frente de Bolsonaro

Em um dos dois cenários analisados pelo Ipec, Lula aparece com 48% das intenções de voto no 1º turno - Vitorino Júnior/Photopress/Estadão Conteúdo

Pesquisa Ipec divulgada hoje pelo “Jornal Nacional”, da TV Globo, mostra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) liderando o primeiro turno das eleições presidenciais de 2022 em dois cenários distintos, com mais de 20 pontos percentuais de vantagem para o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

O Ipec foi criado em fevereiro por ex-executivos do Ibope Inteligência, que encerrou suas atividades em janeiro deste ano em razão do término de um acordo de licenciamento com a Kantar Group.

No primeiro cenário, em que foram considerados apenas cinco candidatos, Lula aparece com 48% das intenções de voto, enquanto Bolsonaro tem 23%. Considerando a margem de erro de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, o petista poderia chegar a 50%, no limite para ser eleito em primeiro turno. Já Bolsonaro ficaria com, no máximo, 25% pela margem de erro.

O levantamento do mesmo instituto feito entre 17 e 21 de junho, nas mesmas condições de entrevistados, cenário e cidades, tinha Lula com 49% das intenções de voto no primeiro turno, contra 23% de Bolsonaro. Ou seja, ambos se mantiveram dentro da margem de erro.

Veja os números abaixo:

Cenário 1
Lula (PT): 48%
Jair Bolsonaro (sem partido): 23%
Ciro Gomes (PDT): 8%
João Doria (PSDB): 3%
Luiz Henrique Mandetta (DEM): 3%
Brancos e nulos: 10%
Não souberam ou preferiram não responder: 4%

Cenário 2
Lula (PT): 45%
Jair Bolsonaro (sem partido): 22%
Ciro Gomes (PDT): 6%
Sergio Moro: 5%
José Luiz Datena (PSL): 3%
João Doria (PSDB): 2%
Luiz Henrique Mandetta (DEM): 1%
Rodrigo Pacheco (DEM): 1%
Alessandro Vieira (Cidadania): 0%
Simone Tebet (MDB): 0%
Brancos e nulos: 9%
Não souberam ou preferiram não responder: 5%

Segundo o “Jornal Nacional”, o Ipec ouviu 2.002 pessoas de 141 municípios. O levantamento foi feito entre os dias 16 e 20 de setembro, e a margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que significa dizer que os resultados da pesquisa têm 95% de chance de representar a realidade.

Perfil do eleitor
De acordo com o Ipec, os votos para Lula são mais expressivos entre:

quem mora no Nordeste (65%);
quem têm ensino fundamental 1 (61%) e ensino fundamental 2 (58%);
quem mora em municípios com até 50 mil habitantes (53%);
católicos (54%).

Além disso, ainda segundo o instituto, as intenções de voto no ex-presidente são maiores quanto menor a renda familiar mensal do entrevistado: entre quem ganha até um salário mínimo, o índice é de 59%; entre aqueles com renda acima de cinco salários mínimos, 29%.

O presidente Jair Bolsonaro, por sua vez, tem mais votos entre:

moradores das regiões Norte e Centro-Oeste (31%);
homens (28%);
evangélicos (31%);
quem se autodeclara branco (28%).

Ao contrário do que acontece com Lula, as intenções de voto em Bolsonaro crescem à medida que aumenta a renda familiar mensal do eleitor, apontou o Ipec: entre aqueles que ganham até um salário mínimo, o presidente chega a 16%; entre quem tem renda até cinco salários mínimos, a 40%.

Aprovação do governo Bolsonaro
O Ipec também perguntou aos entrevistados sobre como avaliam o governo Bolsonaro. Mais da metade (53%) respondeu “ruim ou péssimo”.

Confira os números:

Ótimo/bom: 22%
Regular: 23%
Ruim/péssimo: 53%
Não souberam ou preferiram não responder: 1%

Somados, os itens “ótimo” e “bom” correspondem ao percentual de aprovação do governo, enquanto “ruim” e péssimo” se referem ao de reprovação. Ou seja: na prática, mais da metade dos entrevistados reprova a gestão de Bolsonaro.

‘É normal’, diz secretário sobre fechamento à noite de delegacias de Pernambuco

CARLOS MEDEIROS/SDS

O secretário de Defesa Social, Humberto Freire, falou pela primeira vez sobre a diminuição do número de delegacias abertas 24 horas em Pernambuco. E minimizou o problema. A nova portaria, passa a valer a partir de 1º de outubro. No Recife, por exemplo, todas as delegacias de bairro (com exceção de Boa Viagem) só permanecerão abertas de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Quem precisar de atendimento e registro de queixas, no geral, deve se dirigir até a Central de Plantões da Capital, no bairro de Campo Grande.

“Todas as delegacias funcionam em horário de expediente abertos e atendendo ao público. No repouso noturno e fins de semana, a gente trabalha com as delegacias de plantão. E essa portaria editada recentemente foi apenas isso: uma reorganização dos plantões para que a gente possa fortalecer os que vão ficar abertos para atender melhor a população. Isso é normal nesses horários de repouso e fim de semana, muitos órgãos trabalham em regime de plantão”, declarou Humberto Freire, em entrevista ao programa Por Aqui, da TV Jornal, na tarde desta quarta-feira (22).

Importante reforçar que o fechamento das delegacias à noite e nos fins de semana também gera outro problema na segurança pública. Com o já precário efetivo policial nas ruas, as equipes da Polícia Militar que realizarem flagrantes precisarão também fazer um deslocamento maior à procura da unidade policial mais próxima que esteja aberta. Na capital pernambucana, isso já é uma rotina, visto que os casos seguem para a Central de Plantões.

Mas, no interior do Estado, os PMs precisam se deslocar do município de origem da ocorrência para outro, onde tem delegacia funcionando. Além da perda de tempo, os militares deixam de garantir a segurança da população nas ruas.

COMO FICA NO INTERIOR
Na Zona da Mata e Agreste do Estado, 18 delegacias funcionam 24 horas, incluindo fins de semana. Com a mudança, válida a partir de outubro, o número cai para 9. Nessas duas regiões do Estado, apenas as seguintes delegacias estarão funcionando sem interrupção: Nazaré da Mata, Vitória de Santo Antão, Palmares, Caruaru, Bezerros, Belo Jardim, Limoeiro, Santa Cruz do Capibaribe e Garanhuns.

A redução de unidades policiais abertas todos os dias ocorre, inclusive, em um momento delicado: vários municípios do interior registraram aumento de homicídios neste ano.

A Delegacia de Goiana, na Mata Norte, é uma das que deixará de funcionar em esquema de plantão. Na portaria até então em vigor, a unidade policial abrangia também as circunscrições dos municípios de Condado, Itaquitinga, Itambé e Aliança. Agora, a Delegacia de Nazaré da Mata ficará responsável por essas cinco cidades e mais 12.

As Delegacias de Timbaúba, Gravatá, Tamandaré, Agrestina, Belo Jardim, Surubim, Lajedo Bom Conselho e Canhotinho deixam de funcionar em regime de plantão.

No Sertão, não haverá alteração. Só 8 delegacias seguirão abertas 24 horas por dia: Arcoverde, Afogados da Ingazeira, Serra Talhada, Floresta, Salgueiro, Araripina, Cabrobó e Petrolina.

Senado aprova posse presidencial em 5 de janeiro de 2027 e peso maior para mulheres e negros na divisão de verba

O prédio do Congresso Nacional

O Senado rejeitou nesta quarta-feira (22) a volta das coligações para as eleições de deputados e vereadores. Por 66 a 3, o plenário acatou o relatório da senadora Simone Tebet (MDB-MS) que desidrata a PEC (proposta de emenda à Constituição) da reforma eleitoral aprovada na Câmara.

Como Tebet apenas retirou itens, a proposta não precisará ser apreciada novamente pelos deputados. Por se tratar de uma PEC, as mudanças seguem para promulgação e passarão a ter força constitucional.

As coligações foram aprovadas às pressas pelos deputados após acordo que sepultou, mais uma vez, a criação do distritão. No Senado, os parlamentares demonstravam desde o início que não eram favoráveis a esse retorno.

Os senadores mantiveram dois pontos aprovados pela Câmara que mudam a data de posse de presidente e governadores e a distribuição de verbas entre os partidos políticos.

A partir da eleição de 2026, o presidente da República e o vice-presidente tomam posse no dia 5 de janeiro do ano seguinte ao pleito, enquanto governadores e vice-governadores assumem no dia 6 de janeiro. Atualmente, isso ocorre no primeiro dia do ano seguinte ao pleito.

A alteração pode criar impasses, uma vez que o ano orçamentário acaba no primeiro dia de janeiro. Por isso, a nova data para a posse valerá apenas em 2027. A expectativa dos senadores é que até lá seja aprovada uma lei alterando o ciclo do Orçamento.

Votos recebidos por mulheres e negros para a Câmara dos Deputados nas eleições de 2022 a 2030 contarão em dobro para fins de distribuição dos recursos do fundo partidário e do fundo eleitoral.

Durante a votação, os senadores lembraram que o veto à aliança entre partidos ocorreu em 2017 e foi testado apenas nas eleições para vereadores em 2020. Por isso, o retorno delas não deveria ocorrer em 2022.

Grupo é formado para monitorar diretrizes municipais da educação quilombola de Mirandiba

 (Foto: Divulgação )

Em parceria com a Articulação Social das Comunidades Quilombolas de Mirandiba (ASCQUIMI) desde 2019 e com o apoio do Fundo Malala, o Centro de Cultura Luiz Freire (CCLF) desenvolve o projeto Diretrizes Curriculares Municipais da Educação Escolar Quilombola no município de Mirandiba.

Com o objetivo de fortalecer a luta das comunidades quilombolas pelo seu direito à educação escolar de qualidade, levando em consideração a história do território e os seus conhecimentos ancestrais, a primeira fase do projeto dedicou esforços para emplacar essa reivindicação na Câmara Municipal de Mirandiba e aprovar a Lei Municipal Nº 683/2020 que determina a educação quilombola na cidade de acordo com os princípios educacionais definidos pelas comunidades. A conquista é pioneira no Brasil e, pela primeira vez, as Diretrizes da Educação Escolar Quilombola se transformaram em uma política de estado.

A construção durou cerca de dois anos e valorizou estudos e a elaboração de propostas com a participação direeta de lideranças, professoras e das juventudes quilombolas. Agora, o projeto segue para a sua segunda fase, que consiste na contribuição junto ao poder público para a implementação dessas diretrizes e no monitoramento para a garantia do cumprimento da Lei Municipal, seguindo o que determinam as Diretrizes Curriculares Nacionais da Educação Escolar Quilombola na Educação Básica.

Até 2024 as ações serão direcionadas para impulsionar a elaboração de materiais informativos, pedagógicos e literários; reforma e/ou instalação de escolas dentro das comunidades; adoção de uma pedagogia própria; formação de professores e gestores das escolas.

Diretrizes
As Diretrizes Curriculares da Educação Escolar Quilombola foram institucionalizadas pelo governo brasileiro com a Resolução Nº 08/2012 da Câmara de Educação Básica, do Conselho Nacional de Educação, em 20 de novembro de 2012. Sua elaboração foi baseada em diversos documentos, mas sobretudo na Convenção 169 da Organização Internacional do Trabalho (OIT) – primeiro documento internacional a tratar dos direitos dos povos indígenas e tradicionais, nos quais as comunidades quilombolas são incluídas -, além de diversos documentos legais brasileiros, e teve a efetiva participação de lideranças quilombolas, especialistas, estudiosos e técnicos de secretarias do Ministério da Educação.

Atualmente, em Pernambuco, apenas cinco municípios têm suas Diretrizes Curriculares Quilombolas. São eles: Orobó, Conceição das Crioulas, Custódia, Garanhuns e, agora, Mirandiba. No cenário nacional, além de Pernambuco, registra-se que Bahia e Mato Grosso possuem suas próprias Diretrizes Estaduais, mas não existe o levantamento da quantidade exata das cidades além de Mirandiba.

Deputados anunciam apoio para a construção do Hospital do Câncer de Araripe

 (Foto: Divulgação)

O deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE) e a deputada estadual Roberta Arraes (PP) se reuniram nesta terça-feira (21), em Brasília, com a diretora do Hospital Santa Maria, irmã Fátima, e com a drª Suela, e anunciaram apoio para a construção do Hospital do Câncer de Araripe, no Sertão do Araripe. De acordo com os deputados, o apoio será ofertado através de emendas parlamentares e também viabilizado através de recursos federais do SUS e do governo de Pernambuco para o projeto.

A ideia é que a unidade também receba suporte da iniciativa privada e funcione no mesmo modelo de apoio do Hospital do Câncer de Barretos e do Hospital do Câncer do Recife. “Precisamos ter sensibilidade e garantir um bom atendimento e o máximo conforto para quem enfrenta uma doença tão severa. O Hospital do Câncer de Araripe é uma conquista para todo nosso estado e nossa população. Temos um trabalho intenso e muito produtivo com o Hospital do Câncer de Pernambuco. Será uma honra poder ajudar também na implantação do Hospital do Câncer de Araripe”, disse Eduardo da Fonte.

De acordo com a diretora do Hospital Santa Maria, irmã Fátima, milhares de pessoas da região do Araripe fazem tratamento contra o câncer no Recife e seriam beneficiadas com a nova unidade.

Jovem que completar 16 anos até a data da próxima eleição poderá votar

De acordo com o artigo 14 da Constituição Federal, o voto é facultativo para jovens de 16 e 17 anos, mas passa a ser obrigatório a partir dos 18 anos. Porém, muita gente não sabe que jovens de 15 anos que completarão 16 anos até o dia 2 de outubro de 2022, data do primeiro turno das próximas eleições gerais, também podem tirar a primeira via do título eleitoral.

É necessário, contudo, ficar atento ao prazo para tirar o documento: de janeiro a maio de 2022.

Votar é um ato de cidadania. E estimular o exercício da cidadania é uma das missões da Justiça Eleitoral. Por isso, o primeiro voto é o momento no qual jovens eleitores podem ajudar a definir os rumos da democracia. É também um importante primeiro passo para assumirem lideranças e ocuparem espaços na vida política da sociedade.

Prefeitura de Pernambuco abre seleção com salário de R$ 3 mil para trabalhar 2 dias por mês

SDS abre inscrições para seleção simplificada em Pernambuco

A Prefeitura de Casinhas, no Agreste de Pernambuco, abriu inscrições para uma seleção simplificada da Secretaria Municipal de Saúde. A seleção visa contratar profissionais temporariamente. A vaga é para médico cardiologista e a remuneração é de R$ 3 mil.

e acordo com o edital, a pessoa selecionada vai trabalhar apenas dois dias por mês, com jornada diária de quatro horas. As inscrições vão até 28 de setembro de 2021.

As inscrições podem ser feitas presencialmente ou via Correios. O cadastramento é gratuito. Se o candidato optar por se inscrever presencialmente, ele precisa entregar ficha de inscrição preenchida, acompanhada das cópias dos documentos comprobatórios exigidos e indispensáveis em envelope lacrado na sede da Secretaria, localizada na Rua Maria Cecília Leal de Miranda, s/n, Centro, Casinhas/PE, CEP 55755-000, das 8h às 14h.

Para as inscrições pelos Correios, o endereço para remessa é o mesmo.

Resultado
O resultado preliminar deve ser divulgado no dia 29 de setembro de 2021 e o resultado final deve sair em 2 de outubro. Segundo o edital do certame, o resultado final será divulgado no quadro de avisos da SMS e no Diário Oficial dos Municípios de Pernambuco.

Governo de PE lança programa que oferece bolsas para estudantes monitores da rede estadual

 (Foto: Kleyvson Santos/SEE)

Um projeto de lei foi enviado pelo Governo de Pernambuco para a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) com o objetivo de oferecer bolsas para resgatar a aprendizagem dos alunos da rede estadual de ensino que estão com dificuldades nos estudos.

De acordo com a gestão estadual, o programa -Intitulado Monitoria PE- se divide em Monitoria de Aprendizagem voltado para estudantes da rede, que receberão bolsas para reforçar a aprendizagem dos alunos que estão com dificuldades, e o Monitoria de Busca Ativa, voltado para diminuir a evasão escolar por meio de ações que, segundo o governo, serão desenvolvidas por um profissional indicado pelas escolas.

A expectativa da administração pernambucana é que os programas entrem em atividade a partir de 1º de outubro deste ano, a depender da aprovação da Alepe.

O programa Monitoria de Aprendizagem é voltado para estudantes dos nonos anos do Ensino Fundamental e terceiros anos do Ensino Médio, e consiste numa bolsa de monitoria para as disciplinas de Matemática e Língua Portuguesa, no valor mensal de R$ 200. Os estudantes selecionados para serem monitores devem atuar junto aos alunos que apresentem dificuldades de aprendizagem. Esses monitores serão acompanhados pela equipe pedagógica da unidade de ensino, informou a Secretaria de Educação e Esportes (SEE).

Dentro os critérios para participar do programa, estão: ter média superior a 7; ter disponibilidade de horário para dar suporte aos demais estudantes; participar de reuniões com a equipe pedagógica da escola; fazer planejamentos e estudar.

Ainda segundo a SEE, as escolas farão seus processos seletivos para selecionar os estudantes que serão beneficiados. Estão sendo disponibilizadas 1.008 vagas para Língua Portuguesa e 1.008 para Matemática no 9º ano do Ensino Fundamental; e 2.556 vagas para Língua Portuguesa, e 2.556 vagas para Matemática no 3º ano do Ensino Médio, totalizando 7.128 vagas de Monitoria.

Sem coligações, CCJ do Senado aprova PEC da reforma eleitoral

 (Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

Com o prazo apertado para mudanças nas regras paras eleições de 2022 , a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou, em votação simbólica nesta quarta-feira (22), o relatório da senadora Simone Tebet (MDB-MS) à proposta de emenda à Constituição (PEC) da reforma eleitoral (PEC 28/2021).

No Senado, a estratégia é promulgar apenas os pontos consensuais dentre os aprovados pela Câmara em agosto. A manobra impede um eventual retorno do texto para a Câmara. O principal ponto que ficou de fora do texto foi a volta das coligações partidárias em eleições proporcionais, extinta na reforma eleitoral de 2017, mas que havia sido reintroduzida pelos deputados.

“A coligação nas eleições proporcionais é objeto de crítica e tentativa de supressão nas duas Casas do Congresso Nacional desde a década de 1990”, justificou Tebet no documento. Para ela, a volta das coligações seria inconstitucional.

Anderson Ferreira reforça alinhamento com Raquel Lyra e diz que marchará ao lado da tucana em 2022

DIVULGAÇÃO PSDB

Em meio à indefinição que envolve a estratégia que o grupo de oposição ao governador Paulo Câmara (PSB) adotará em 2022, a cada dia o prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PL), parece ter mais certezas do que dúvidas com relação ao pleito. Na manhã desta terça-feira (21), o gestor afirmou que no ano que vem marchará ao lado da prefeita de Caruaru, Raquel Lyra (PSDB), muito embora evite cravar de que maneira esse apoio se dará. Anderson, Raquel e Miguel Coelho (DEM), prefeito de Petrolina, são pré-candidatos ao Palácio do Campo das Princesas pelo coletivo de centro-direita.

“Eu tenho um alinhamento muito grande com a Raquel e com certeza nós marcharemos juntos (em 2022)”, declarou o prefeito, durante entrevista à rádio CBN Recife. Anderson afirmou, ainda, que entre os pré-candidatos pode sair um postulante ao Senado, mas apenas ele e a própria Raquel têm idade para concorrer ao cargo. Miguel acabou de completar 31 anos e precisaria ter pelo menos 35 para disputar uma vaga na Casa Alta.

Johnson & Johnson garante eficácia maior se a imunização completa for com duas doses

 (Foto: Robyn Beck/AFP

)

A vacina contra o coronavírus do laboratório norte-americano Johnson & Johnson é mais eficaz quando administrada em duas doses, de acordo com novos dados divulgados pela empresa nesta terça-feira (21).

O imunizante da J&J foi originalmente desenvolvido como uma vacina de dose única, mas com uma segunda dose injetada cerca de dois meses (56 dias) após a primeira, os níveis de anticorpos observados aumentaram “quatro a seis vezes”, de acordo com um comunicado da empresa.

A eficácia da vacina contra casos sintomáticos da doença pelo menos 14 dias após a dose de reforço foi de 75% e de 100% contra casos graves, com base em dados de um ensaio clínico realizado em vários países em pessoas a partir de 18 anos.

Nos Estados Unidos, a eficácia contra os casos sintomáticos (moderados a graves) foi de 94% com essa dose de reforço. Em comparação, os dados mais recentes do ensaio clínico de dose única original mostraram que a eficácia da droga nos Estados Unidos contra casos sintomáticos era de 70%.

Segundo a Johnson & Johnson, variantes do coronavírus reduzem a eficácia da vacina contra os casos graves.

A empresa disse que enviou os dados à Food and Drug Administration (FDA) dos Estados Unidos e que em breve os apresentará a outras autoridades regulatórias em todo o mundo.

Esta é uma notícia encorajadora para os 15 milhões de americanos vacinados com este imunizante: o governo do presidente Joe Biden anunciou que lançaria uma campanha de reforço para adultos vacinados com Pfizer ou Moderna, mas disse que estava aguardando mais dados sobre a Johnson & Johnson.

Senado aprova PEC que flexibiliza gastos na educação em 2020 e 2021

Governo prorroga suspensão de aulas presenciais para educação infantil e  ensino fundamental em Pernambuco | Educação em Pernambuco | G1

O Senado aprovou hoje, em segundo turno, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 13, cuja votação iniciou na semana passada. A PEC livra de punição os estados e municípios que não investiram em 2020 e 2021 a porcentagem mínima de recursos resultantes de impostos exigida pela Constituição em educação. Agora, o texto segue para votação na Câmara dos Deputados.

A justificativa para aprovação da PEC é que a pandemia, que obrigou a suspensão de aulas e, ao mesmo tempo, o redirecionamento de verbas para a área da saúde, impediu prefeitos de investirem em educação uma porcentagem mínima prevista em lei. Por conta da suspensão de aulas presenciais, gastos com transporte escolar e merenda, que não foram necessários.