Religioso que vive na casa do Papa está com coronavírus

Papa Francisco tem um resfriado, diz Vaticano após notícia sobre ...

Um monsenhor italiano, funcionário da Secretaria de Estado do Vaticano, foi testado positivo para o novo coronavírus (Sars-CoV-2), elevando para cinco o número de casos registrados pelo menor país do mundo.

A informação foi revelada à ANSA hoje por fontes do Vaticano, que afirmaram que o religioso foi hospitalizado. Ele mora há algum tempo na Casa Santa Marta, residência oficial do papa Francisco.

Segundo o relato, todas as medidas preventivas previstas nos protocolos de combate ao vírus foram adotadas para o edifício e seus habitantes.

O primeiro caso da covid-19 foi confirmado no último dia 6 de março e diz respeito a um participante de um congresso. Desde então, outras três pessoas foram infectadas, sendo dois funcionários dos Museus Vaticanos e um colaborador do Escritório de Mercadorias.