‘Clube pobre que ganha nova vida’, diz presidente do Afogados após eliminar Atlético-MG na Copa do Brasil

Elenco do Afogados conseguiu feito histórico ao derrotar o Atlético-MG. Foto: Cláudio Gomes/Afogados FC

A classificação para a terceira fase da Copa do Brasil garantiu uma cota de R$ 2.69 milhões para o Afogados, clube do Sertão de Pernambuco que completará sete anos de sua fundação em dezembro de 2020. O time comandado pelo técnico Pedro Manta não tem sede e utiliza o estádio da prefeitura, o Valdemar Viana de Araújo, o Vianão, para treinar e mandar seus jogos em competições oficiais. O presidente do clube, João Nogueira, revelou que a prioridade agora é aplicar o dinheiro que receberá da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e encontrar um terreno para construir o Centro de Treinamento da Coruja.

O mandatário confessou que o time sertanejo é pobre e aguarda com grande expectativa o valor da cota para iniciar os projetos do clube. “Esse dinheiro será aplicado quando for depositado em nossa conta. Vamos tirar uma parte para fazer a manutenção do dia a dia e a outra será aplicada para um investimento maior que tem como destino final o nosso CT”, comentou João, que continuou. “Hoje utilizamos o campo da prefeitura e precisamos de um local para desenvolver o nosso futebol. Não sei quando vai sair o dinheiro, acho que em março. Depois, vamos procurar o terreno. Tem que ser um loca adequado, um terreno que tenha água, na margem do rio (Pajeú) para aguar o campo com facilidade e todos os dias. Não adianta ser em um lugar longe do rio, porque com a seca não conseguiremos água”, destacou.

Do JC Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rádio Web Acauã HD Full

Provedor de Internet em Afogados da Ingazeira – PE

Carlos Master Developer
Hospedamos Sites e Rádios Web. Desenvolvemos Sites, Logo-Marcas e Tampletes. Recuperamos Arquivos de HDs” e Pendrives Danificados. Assistência Técnica em Todos os Tipos e Marcas de Computadores.