Votação do impeachment está mantida, diz presidente da Câmara de Camaragibe

Resultado de imagem para prefeito impeachment de camaragibe

Após a justiça determinar a suspensão do processo de impeachment do prefeito de Camaragibe, Demóstenes Meira (PTB), o presidente da Câmara do município, Antônio de Oliveira (PTB), o Toninho, disse, que a votação marcada para esta quinta-feira (23), às 9h, está mantida até que a Casa seja notificada da decisão.

Caso o oficial de justiça não chegar a notificar a Câmara antes ou mesmo durante a sessão, os vereadores poderão votar e cassar o mandato do prefeito da cidade. Autor do pedido de impeachment, Toninho disse que caso seja cenário ocorra a defesa de Meira terá que entrar com uma outra ação para anular a votação. Na avaliação do parlamentar, a posição dele não é um descumprimento à decisão judicial se a notificação não chegar a tempo.

“A Câmara não foi oficializada, nem recebeu nenhuma decisão de suspensão da sessão de amanhã. Então, amanhã a sessão se mantém. Ela vai estar normalmente até que a gente seja citado. Decisão de juiz não se discute, se cumpre (sic). Chegando antes ou durante a sessão, lógico que a gente vai respeitar”, disse o presidente da Câmara municipal.