Sport pode ficar de fora de competições nacionais por até dois anos

Resultado de imagem para gabriel atacante do sport na justiça

O meia-atacante Gabriel acionou o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pela falta de fair play financeiro por parte do Sport. O jogador defendeu o time pernambucano na temporada 2018 e ficou do mês de agosto até dezembro sem receber pagamentos. Ele cobra do clube na Justiça uma dívida de R$ 900 mil, o equivalente a R$ 180 mil por mês.

A procuradoria do STJD recebeu a denúncia e intimou o clube a fazer o pagamento em 15 dias ou uma audiência de conciliação. Como o Tribunal está em recesso até o dia 20 de janeiro, o prazo começa a contar do dia 21, uma segunda-feira. A denúncia do jogador se baseia no artigo 18 do Regulamento Específico da Série A (a ser utilizado também nas séries B e C), publicado pela CBF em 2015.

Como o Sport foi rebaixado para a Série B do Campeonato Brasileiro, a perda de pontos nos jogos em que o Leão deixou de pagar os atletas não teria eficácia, de acordo com o procurador Felipe Bevilacqua. Assim, existe a possibilidade de aplicar o estatuto da Fifa que dispõe sobre o caso, suspendendo o clube devedor de competições nacionais e internacionais por até dois anos.

Mas, ainda é cedo para definir a punição a ser aplicada. O Sport ainda será notificado e pode tentar parcelar a dívida. A denúncia, inclusive, só será formalizada se até o retorno do STJD do recesso o Rubro-negro não regularizar a situação com o atleta.

O Sport ainda não vai se pronunciar sobre o caso. O vice-presidente jurídico rubro-negro Marcos Cabral Júnior informou que o clube ainda não foi notificado e, só após receber a notificação, irá falar algo. E então tomar as medidas cabíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *