Monthly Archives: outubro 2018

Violência: Advogado morre após ser baleado no Parque das Esculturas, no Recife

Foto: Reprodução (Foto: Reprodução)

Um advogado de 47 anos, identificado como Flávio Mendes de Amorim, foi morto na manhã deste domingo (30) enquanto pedalava com sua esposa no Parque das Esculturas, área central da capital pernambucana. De acordo com informações do posto policial do Hospital da Restauração, a esposa informou que ambos estavam no local quando foram abordados por dois homens que anunciaram o assalto. Ainda segundo a esposa, não houve reação, mas ainda assim o advogado foi atingido por um disparo na altura do coração. O advogado já chegou sem vida ao HR, onde deu entrada às 11h30.

Os dois suspeitos de terem atirado no advogado foram presos e confessaram o crime, de acordo com a Polícia Civil (PCPE). Ambos moram em Brasília Teimosa. Matheus Ribeiro Vieira Bastos (foto abaixo), de 18 anos, que teria sido o autor dos disparos, responde a três processos por homicídio. O outro suspeito é Arthur Felipe Lima de Lira, de 20 anos – apesar de não ter passagem pela polícia, foi encontrada droga na casa onde ele mora.

Apontado como o autor dos disparos, Matheus Ribeiro Vieira Barros tem 18 anos e responde a três processos por homicídios. Foto: Osnaldo Moraes/DP

A PCPE informou que os dois estavam fumando maconha na área quando Matheus teria sugerido o assalto porque precisava de dinheiro. Ainda de acordo com a Polícia, os suspeitos estavam de bicicleta e as deixaram no local quando tomaram as do casal. Arthur roubou a bicicleta da mulher e Matheus, que estava armado, roubou a do advogado. Em depoimento, Matheus alegou que o advogado teria reagido, informação que foi negada pela esposa. As bicicletas do casal estão avaliadas em mais de R$ 2 mil.

De acordo com as informações repassadas, os pais do advogado trabalham no Hospital da Restauração e entraram em desespero no momento em que o advogado, já sem vida, deu entrada na unidade hospitalar.

Aos 89 anos, Angela Maria morre em São Paulo

Resultado de imagem para angela maria

A cantora Angela Maria morreu na noite deste sábado, 29, aos 89 anos, em São Paulo. O velório,  aconteceu às 10 horas deste domingo, e o sepultamento, ocorreu às 16 horas, na zona sul da capital paulista, no Cemitério Congonhas. De acordo com informações da unidade do Itaim Bibi do Hospital Sancta Maggiore, onde a artista estava internada desde o final de agosto por causa de uma infecção generalizada, ela não resistiu a uma parada cardíaca.

Nascida em Conceição de Macabu, no Rio de Janeiro, Abelim Maria da Cunha assumiu o nome artístico de Angela Maria e começou a carreira de cantora aos 19 anos, em 1947. Gravou dezenas de sucessos e ganhou o título de "Rainha do Rádio", graças a eleição na edição de 1954 do tradicional concurso criado pela Associação Brasileira de Rádio. A intérprete se notabilizou como uma representante do gênero samba-canção, que surgiu no Brasil nos anos 1930.

 O último álbum de estúdio da artista foi "Angela Maria e as Canções de Roberto & Erasmo", lançado em 2017, pela gravadora Biscoito Fino. Ao longo da carreira, a cantora promoveu parcerias com Roberto Carlos, Gal Costa, Caetano Veloso, Agnaldo Timóteo, Alcione, Cauby Peixoto, Fafá de Belém, Ney Matogrosso, entre outros. Foi candidata a vereadora da cidade de São Paulo na eleição municipal de 2012, pelo PTB, mas não se elegeu.