Monthly Archives: agosto 2018

Propaganda eleitoral no rádio e na TV inicia nesta sexta-feira

Resultado de imagem para horário eleitoral gratuito 2018

A propaganda eleitoral gratuita começa a ser divulgada no rádio e televisão para todo o país nesta sexta-feira (31).

Durante o primeiro turno, o conteúdo político será veiculado até 4 de outubro, três dias antes de os eleitores comparecerem às urnas. No total, serão 35 dias de propaganda – dez a menos que antes da aprovação da Reforma Eleitoral de 2015 (Lei 13.165/2015).

Em casos em que haja segundo turno, a veiculação será retomada no dia 12 de outubro, ou seja, na primeira sexta-feira após o primeiro turno. Serão mais 15 dias até o dia 26 de outubro – dois dias antes dos eleitores voltarem às urnas.

A definição quanto aos dias de exibição das campanhas leva em conta o cargo em disputa. Os programas dos presidenciáveis irão ao ar às terças-feiras, quintas e aos sábados. No rádio, das 7h às 7h12min30seg e das 12h às 12h12min30seg. Na televisão, das 13h às 13h12min20seg e das 20h30 às 20h42min30seg. Nestes mesmos dias, serão transmitidas as propagandas dos candidatos a deputado federal. Já a publicidade dos que concorrem aos governos estaduais e do Distrito Federal, bem como ao Senado e a deputado estadual e distrital será exibida às segundas-feiras, quartas e sextas. Nos domingos, não haverá propaganda eleitoral.

Juntos, os programas dos candidatos à Presidência da República ocuparão dois blocos de 12 minutos e 30 segundos cada, totalizando 25 minutos a cada dia de exibição. Mesmo tempo destinado à propaganda do conjunto de candidatos a deputado federal. Os que concorrem aos cargos de governadores dividirão 18 minutos de campanha no rádio e na TV. Tempo igual ao destinado aos candidatos a deputados estaduais e distritais. Já os que concorrem ao Senado aparecerão em dois blocos de 7 minutos cada.

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 28.306 pessoas registraram suas candidaturas. São 13 candidatos presidenciais; 199 concorrentes ao cargo de governador; 353 aspirantes ao Senado; 8.346 candidatos ao cargo de deputado federal; 17.512 a deputado estadual; 963 a deputado distrital e 353 ao Senado – que, este ano, renovará dois terços dos atuais senadores. Ou seja, 54 candidatos serão eleitos.

Polêmica! Aline Barros é acusada de demitir funcionária por conta de homossexualidade

Resultado de imagem para cantora aline barros

Aline Barros, 41, a mais poderosa cantora gospel do país, se envolveu em uma polêmica daquelas! Uma antiga backing vocal da famosa, Rejane Silva de Magalhães, decidiu processá-la e está pedindo R$ 1 milhão na Justiça.

De acordo com informações do jornal “O Dia”, o motivo da ação seria que a empresa da artista, a Aline Barros Produções Artísticas, teria a demitido por ela ser gay .Contratada em 2005, a profissional se apresentou com Aline até o ano de 2015. No processo que conta com mais de 300 páginas, a ex-funcionária da cantora evangélica pediu declaração de vínculo empregatício, uma vez que a mesma não possuía carteira assinada, além de outros encargos, horas extras, adicional noturno, décimo terceiro salário e férias.

Em recente participação no programa “Conversa com Bial”, da TV Globo, a artista gospel falou que desaprova a conduta dos gays. “Eu respeito, amo. Cada um tem seu livre arbítrio para fazer suas escolhas. Mas não concordo com a postura e a prática dos homossexuais”, declarou ela na ocasião.

Os 10 carros populares mais econômicos do Brasil

Resultado de imagem para renault kwid

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, o Inmetro, listou os carros populares mais econômicos disponíveis no mercado brasileiro.

O Inmetro considerou os veículos hatch compactos para o ranking, categoria que domina o mercado no país. Confira na lista abaixo quais são os carros mais econômicos:

1. Renault Kwid (foto acima)

Consumo de gasolina (urbano – rodoviário): 14,9 km/l – 15,6 km/l
Consumo de etanol (urbano- rodoviário): 10,3 km/l – 10,8 km km/l

2. Volkswagen Up! TSI

Consumo de etanol (urbano – rodoviário): 10 km/l- 11,5 km/l
Consumo de gasolina (urbano – rodoviário): 14,3km/l – 16,3 km/l

3. Volkswagen Up! Pepper TSI

Consumo de gasolina (urbano – rodoviário): 14,1km/l – 16 km/l
Consumo de etanol (urbano – rodoviário): 9,6km/l – 11,1 km/l

4. Fiat Mobi Firefly

Consumo de gasolina (urbano – rodoviário) 13,7 km/l -16,1 km/l
Consumo de etanol (urbano – rodoviário): 9,6km/l – 11,3 km/l

5. Fiat Argo

Consumo de gasolina (urbano – rodoviário): 14,2km/l – 15,1 km/l
Consumo de etanol (urbano- rodoviário): 9,9 km/l – 10,7 km/l

6. Volkswagen Up!

Consumo de gasolina (urbano – rodoviário): 14,2/15,3 km/l
Consumo de etanol (urbano – rodoviário)): 9,6/10,6 km/l

7. Peugeot 208

Consumo de gasolina (urbano – rodoviário):  13,9 km/l – 15,5 km/l
Consumo de etanol (urbano – rodoviário): 9,6 km/l – 10,7 km/l

8. Volkswagen Cross Up TSI

Consumo de gasolina (urbano – rodoviário): 13,7 km/l – 14,7 km/l
Consumo de etanol (urbano – rodoviário): 9,5 km/l – 10,4 km/l

9. Ford Ka

Consumo de gasolina (urbano – rodoviário): 13,4 km/l – 15,5 km/l
Consumo de etanol (urbano – rodoviário): 9,2 km/l – 10,7 km/l

10. Fiat Mobi

Consumo de gasolina (urbano – rodoviário): 13,5 km/l – 15,2 km/l
Consumo de etanol (urbano – rodoviário): 9,2 km/l – 10,2 km/l

Ministério Público de Pernambuco pede arquivamento de inquérito de PMs atropelados no metrô

Resultado de imagem para pms sao atropelados no metro do recife

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) pediu arquivamento do caso dos policiais militares atropelados por uma composição do metrô do Recife em maio deste ano. A solicitação do órgão acompanha a conclusão do inquérito da Polícia Civil, feito pelo delegado Paulo Jean, que não encontrou provas de negligência ou elementos que atribuam responsabilidade a algum envolvido. No acidente, três PMs morreram – sendo dois na hora e outro seis dias depois – e um ficou ferido.

A polícia concluiu que o acidente aconteceu por causa da baixa iluminação na área dos trilhos. "A Central de Inquéritos da Capital remeteu ontem (nessa terça-feira, 28) à Justiça a manifestação requerendo o arquivamento do caso por fato atípico. O Ministério Público ratifica a conclusão da Polícia Civil de que a morte dos policiais militares foi um acidente, não havendo provas de negligência ou qualquer elemento que impute culpabilidade aos envolvidos", informou o MPPE.

Ladrões explodem dois postos de auto atendimento do Bradesco no interior de Pernambuco

Resultado de imagem para explosoes a bancos em pernambuco

Dois Postos de Auto Atendimento (PAA) do Bradesco foram alvo de explosão. Um deles na madrugada desta quinta-feira (30), em Alagoinha, no Agreste. Segundo a Polícia Militar, os assaltantes roubaram o único caixa eletrônico do posto na cidade. O caixa teria sido levado em uma caminhonete.  

O roubo ao segundo posto, ocorreu na última quarta (29), em Ibirajuba, também região do Agreste pernambucano. O grupo, fortemente armado, chegou a cidade, disparando vários tiros, assustando os moradores. Até agora, ninguém foi preso.

Com as novas ocorrências, segundo o Sindicato dos Bancários de Pernambuco, o total de investidas contra bancos este ano já somam 144 casos. Este ano, já foram registradas  51 ocorrências de explosões, 41 arrombamentos, 29 assaltos, 19 crimes de estelionato, dois de sequestro e duas invasões à agências bancárias. Do total de crimes, 63 ocorreram na região do Agreste, 33 no Sertão, 31 na Região Metropolitana e 17 na Zona da Mata.

Viúva e filho são indiciados por assassinato de médico em Aldeia

Esposa da vítima, Jussara Paes, e o filho mais velho do casal estão presos. Foto: Marlon Diego/Esp.DP

O inquérito policial que investiga o assassinato do médico e advogado Denirson Paes Silva (foto abaixo), 54 anos, foi concluído ontem. A esposa da vítima, Jussara Rodrigues Paes Silva, 54 anos, e o filho mais velho do casal, Danilo Paes, 23 anos, foram indiciados por homicídio triplamente qualificado (por motivo fútil, sem possibilidade de defesa da vítima e por meio insidioso ou cruel), conforme já apontavam as apurações da Polícia Civil nos quase dois meses de investigação.

A delegada titular de Camaragibe, Carmen Lúcia, responsável pelo caso, também pediu a prisão preventiva de mãe e filho, que estão presos temporariamente até o próximo dia 4 na Colônia Penal Feminina do Recife, na Iputinga, e no Centro de Observação Criminológica e Triagem de Abreu e Lima (Cotel), respectivamente.

Resultado de imagem para medico assassinado em aldeia

Ainda ontem, o documento foi encaminhado à Promotoria de Justiça do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) em Camaragibe. As investigações apontaram que Denirson estava vivo até as 23h do dia 30 de maio deste ano. O crime foi cometido no dia 31 de maio. As perícias do Instituto de Criminalística (IC), anexadas aos autos do inquérito, apontaram que o médico levou uma pancada na cabeça antes de ser asfixiado.

‘Me apoiou em todo o período, desde o afastamento de Dilma’, diz Temer sobre Paulo Câmara

Resultado de imagem para temer na radio jornal pe

Durante entrevista à Rádio Jornal, nesta quarta-feira (29), o presidente Michel Temer (MDB) disse ter uma boa relação com o governador do estado Paulo Câmara (PSB). Por outro lado, o pessebista afirmou que Temer tentou confundir a população pernambucana fazendo tal declaração.

Na conversa, após fazer elogios a Paulo Câmara, Temer disse ter um longo tempo de estrada na política e, por isso, entende a postura do candidato à reeleição. "Vamos compreender o governador, ele está em campanha eleitoral, me apoiou em todo o período desde a questão do afastamento da ex-presidente (Dilma Rousseff) , você verá que logo depois da eleição, ele se pacifica", garantiu Temer.

Câmara reafirmou que nunca apoiou o atual presidente da República. Ele disse ainda que é opositor ao "modelo discriminatório e perseguidor" de governar de Temer. "O presidente Temer não tem o nosso apoio e nunca teve em nenhum dos momentos do seu Governo. Pelo contrário: éramos a favor de novas eleições (após o processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff). Não aceitamos cargos no governo dele. O PSB não aceitou, a Executiva do partido não aceitou", exaltou Câmara.

O governador avaliou também como falta de sensibilidade do Governo Federal e do presidente Michel Temer, o desdém, que segundo Câmara, Michel tratou a necessidade de reestruturação dos municípios afetados pela enchente que atingiu a Zona Mata Sul, no primeiro semestre do ano passado.  "Estamos (o estado) fazendo parcerias com os municípios. Não tivemos apoio na reconstrução das casas. Não tivemos apoio com Cartão Reforma para as casas atingidas", registrou. Na entrevista, Temer citou o momento em que veio para Pernambuco por causa das chuvas.

De acordo com Câmara, a discriminação do Governo Temer com a Região Nordeste foi explicitada, por Paulo, que lembrou que os governadores do Nordeste precisaram se unir para cobrar publicamente.

MPCO consegue condenação de ex-diretora da Fundarpe em R$ 1 milhão por ‘shows fantasmas’

Resultado de imagem para tce pe

O plenário do Tribunal de Contas do Estado (TCE) deu provimento a recurso do Ministério Público de Contas de Pernambuco (MPCO), para condenar Maria Roseane Correia de Santana, ex-diretora de Projetos Especiais da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (FUNDARPE), a devolver R$ 1.025.540,00 por ter “atestado” a realização de shows que, segundo os auditores do TCE, não ocorreram.

No processo, se discutiu o pagamento de shows pela FUNDARPE, em cidades do interior do Estado, que, segundo os auditores do TCE, não teriam sido realizados.

“Quanto à realização dos shows, quando do julgamento da Auditoria Especial referente ao exercício de 2009, o Relator do processo destacou em seu voto que o conjunto de evidências (falsas assinaturas em cartas de exclusividade e bandas compostas por indivíduos já falecidos ou com idade avançada) caminhava para a constatação de àqueles que estavam sendo analisados à época não teriam ocorrido. As mesmas práticas foram identificadas na análise dos fatos relativos ao exercício de 2010, de modo que, pelos mesmos motivos, a equipe de auditoria considerou como não realizados os shows”, apontou relatório do processo.

O recurso foi apresentado pelo MPCO, assinado pela procuradora geral Germana Laureano e pelo procurador Gilmar Lima, pedindo a condenação em “solidariedade pelos débitos a Maria Roseane Correia de Santana, então Diretora de Projetos Especiais da FUNDARPE, a quem coube atestar a realização das apresentações que efetivamente não se realizaram”.

A ex-diretora não tinha sido condenada, no primeiro julgamento do processo no TCE.

Detento é morto dentro da Cadeia Pública de Araripina

Um detento foi morto e outros dois ficaram feridos após uma briga dentro da Cadeia Pública de Araripina na tarde dessa terça-feira (28).

De acordo com a Polícia Civil, os presos das celas 1, 2 e 5 foram liberados ao mesmo tempo para o banho de sol. Durante este período, um grupo iniciou uma confusão.

Na briga, Valdevi Rodrigues da Silva, 23 anos, foi atingido com golpes de faca artesanal, não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade prisional.

Outros dois detentos também ficaram feridos e foram socorridos ao hospital local. A polícia investiga quem provocou a confusão e desferiu os golpes contra às vítimas. O corpo de Valdevi foi levado ao Instituto de Medicina Legal (IML) em Petrolina.

TCE julga gestão fiscal de Mirandiba e Ouricuri

A Primeira Câmara do Tribunal de Contas julgou, em sessão realizada nesta terça-feira (28), dois processos de Gestão Fiscal, um da Prefeitura de Mirandiba e o outro de Ouricuri, ambos de 2017. Os relatores foram os conselheiros Valdecir Pascoal e Ranilson Ramos, respectivamente. O objetivo foi avaliar o cumprimento das exigências relativas à transparência pública, previstas pela Lei de Responsabilidade Fiscal, pelas leis da Transparência (LC nº 131/2009) e de Acesso à Informação (Lei Federal nº 12.527/2011) além do Decreto Federal nº 7.185/2010.

Em relação a Mirandiba a responsável foi a prefeita Rose Cléa Maximo. De acordo com o voto, não foram adotadas as providências necessárias para dar cumprimento à transparência da gestão fiscal e ao acesso a informações obrigatórias, relativas à execução orçamentária, financeira e patrimonial, deixando o município com um índice “crítico”de transparência. Além de julgar pela irregularidade, o conselheiro aplicou uma multa no valor de R$ 6.000,00 à gestora.

Já em Ouricuri o relator julgou pela regularidade com ressalvas do processo de Gestão Fiscal, tendo como responsável o prefeito Francisco Ricardo Ramos. Os votos foram aprovados por unanimidade.

Armando acusa gestão de Paulo Câmara pelo aumento da violência no estado

Foto: Divulgação

Durante o debate entre os candidatos ao governo do estado, promovido pela Rádio Jornal, nesta terça-feira (28), Armando Monteiro (PDT) defendeu propostas e garantiu que caso ele seja eleito "o crime não terá vida fácil".

O candidato falou ainda sobre a necessidade de unir a sociedade em torno da reconstrução do estado, que, segundo ele, nos últimos anos perdeu competitividade e enfrentou indicadores alarmantes de violência e desemprego.

Após o primeiro confronto entre os candidatos, Armando disse que “os bandidos não terão mais vida fácil, como têm hoje. Vamos recuperar a autoridade do governo nas ruas, levar paz e tranquilidade para a população”. Em crítica a atual gestão, ele afirmou que o governo perdeu a autoridade. "Se fechou no Palácio e deixou que a criminalidade assumisse as ruas, estradas e até as áreas rurais”, alfinetou o pedetista.

O primeiro tema do debate foi Educação. Logo depois, foi a vez da violência ser debatida pelos concorrentes ao governo.  No terceiro Bloco, Armando questionou Paulo Câmara (PSB) sobre o fato do adversário ter declarado arrependimento sobre a posição que tomou no impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff (PT). “Você também se arrepende de ter votado em Aécio e ter impedido Marília Arraes de ser candidata e estar aqui conosco hoje?”, indagou Armando.

Nas considerações finais, Armando defendeu o debate honesto nesta campanha e deixou uma mensagem de esperança no futuro. “Não vamos falsear, mentir e fazer falsas promessas. O que tem faltado a Pernambuco é governo". Além de Armando, participaram Paulo Câmara (PSB), Dani Portela (PSOL) e Maurício Rands (PROS).

Embate com Renata Vasconcellos sobre desigualdade de gênero marca entrevista de Bolsonaro ao Jornal Nacional

Foto: Reprodução da Internet/TV Globo (Foto: Reprodução da Internet/TV Globo)

Assim como no primeiro debate entre os candidatos à presidência da república, na Band, no início do mês, Jair Bolsonaro (PSL) voltou a ficar em situação complicada quando confrontado sobre a desigualdade de gênero no Brasil e suas abordagens ao tema. Nesta terça-feira, o deputado federal foi questionado por Renata Vasconcellos, da Globo, e preferiu fazer perguntas aos apresentadores a responder objetivamente. O embate elevou o nome da jornalista ao segundo assunto mais comentado no Twitter – o primeiro era a presença do político na sabatina.

Renata Vasconcellos indagou Bolsonaro sobre a desigualdade de gênero na questão salarial, ressaltando que, segundo o IBGE, as mulheres ganham 25% menos que os homens e se o candidato faria algo para mudar esse cenário caso eleito.

Jair Bolsonaro evocou o discurso de que a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) determina maior igualdade em cargos públicos e que não poderia fazer nada quanto à iniciativa privada.

Quando Renata voltou a questioná-lo sobre o que um presidente pode fazer quanto ao tema, Bolsonaro iniciou uma comparação quanto aos salários da apresentadora com William Bonner.

– A questão de salário, de competência, na CLT já se responde isso.

– Nós sabemos que, na prática, existe desigualdade salarial entre homens e mulheres. Eu gostaria de saber se o senhor, eleito, que políticas fazer para evitar essa desigualdade?

– Porque o Ministério Público não age no tocante a isso. Pode agir. Eu não tenho gerência sobre isso. Isso é CLT. É só denunciar ao Ministério do Trabalho.

– O senhor sabe que o Estado tem mecanismos para estimular a iniciativa privada para que não cometa esse tipo de desigualdade. O senhor, como presidente da república não fará nada para evitar as desigualdades?

– Faria. Mas o Ministério Público poderia ser acionado. Estou vendo aqui uma senhora e um senhor e existe uma diferença salarial aqui. Parece que é muito maior para ele do que para a senhora. São cargos semelhantes.

– Me desculpe, mas eu vou interromper vocês. Eu poderia até, como qualquer cidadã brasileira, fazer questionamentos sobre seus proventos, porque o senhor é um funcionário público, deputado há 27 anos, e eu, como contribuinte, ajudo a pagar o seu salário. O meu salário não diz respeito a ninguém. E eu posso garantir ao senhor, como mulher, que eu jamais aceitaria receber um salário menor que o de um homem que exercesse as mesmas funções e atribuições que eu. Mas agora eu vou devolver a palavra ao senhor.

Recomendação pede interdição do matadouro público de Calumbi

Resultado de imagem para interdição no abate de bovinos

Após averiguar que o Matadouro Público de Calumbi não apresenta estrutura física e equipamentos necessários às operações, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) aconselhou que haja a interdição do matadouro em caráter emergencial. Além de não possuir a estrutura necessária, o local não conta com funcionários que executem serviços essenciais, gerando sérios riscos à saúde da população.

À Prefeitura Municipal de Calumbi, à Secretaria Municipal de Saúde e ao coordenador da Vigilância Sanitária no Município de Calumbi, o MPPE recomendou que façam a fiscalização contínua e eficaz para prevenir e reprimir a comercialização de carnes sem as condições necessárias. Um relatório constando todas as providências adotadas deverá ser encaminhado ao Ministério Público.

Já à Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro), o promotor de Justiça Rafael Moreira Steinberger sugeriu que fiscalize a comercialização e transporte de todos os produtos de origem animal.

Segundo o promotor, a recomendação deve ser encaminhada às emissoras de rádio local para conscientizar a população. Cópias da recomendação deverão ser fixadas nos prédios públicos e em locais de grande circulação, bem como divulgada em todos os estabelecimentos que comercializem produtos de origem animal. Uma cópia da recomendação deve ser disponibilizada para ao presidente da Câmara dos Vereadores.

Deputado Alberto Feitosa anuncia Voto de Pesar para empresário de Triunfo

O deputado Alberto Feitosa (SD) apresentou, na Reunião Plenária desta terça (28), um Voto de Pesar pela morte do empresário de Triunfo, Pedro Gomes de Oliveira Junior, ocorrida na última quarta (22). No discurso, o parlamentar falou da capacidade daquele que foi responsável por empreendimentos como Pousada da Baixa Verde, Cachaçaria Triumpho, Águas Park e Espaço Park.

Pedro Junior, que também foi gerente do Banco do Brasil em Arcoverde, faleceu aos 68 anos no Hospital Português, no Recife, e foi velado e cremado no Cemitério Morada da Paz, em Paulista (Região Metropolitana). Ele deixa esposa, três filhas e uma neta.

“Durante toda a sua vida, Pedro decidiu investir a capacidade empresarial na terra dele. Nas suas andanças pelo Brasil e pelo mundo, sempre trazia a preocupação em desenvolver o turismo e, hoje, Triunfo é um dos maiores destinos turísticos do Interior de Pernambuco. Ele teve uma participação fundamental no fortalecimento da difusão daquele destino. Pedro deixa muita saudade”, lamentou.

Seis cidades do Agreste aderem ao projeto Cidade Pacífica, do MPPE

Na manhã da última segunda-feira (28), representantes dos seis municípios que compõem a 6ª Circunscrição (Caruaru, Bezerros, Cupira, Ibirajuba, Cachoeirinha e Altinho) se reuniram com os promotores das comarcas na sede do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), em Caruaru, para assinar Termo de Cooperação Técnica para adesão ao Programa Cidade Pacífica, projeto institucional do MPPE que tem como objetivo promover ações concretas no combate à violência nos 184 municípios pernambucanos.

“É um projeto que está se espalhando por Pernambuco. Defendemos, nós do MPPE, os poderes Judiciário e Executivo, que a sociedade pode contribuir para a sua própria pacificação. Não há como resolver o problema da violência sem contar com a participação popular. O Cidade Pacífica busca soluções de acordo também com as particularidades locais apontadas pelos moradores”, comentou o procurador-geral de Justiça, Francisco Dirceu Barros.

Segundo o promotor de Justiça e coordenador do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça da área Criminal (Caop Criminal), Luís Sávio Loureiro da Silveira, esta foi a primeira vez que uma Circunscrição aderiu de forma coletiva ao projeto. “Até então, estávamos fechando com os municípios de forma individual. Houve um engajamento da coordenação da 6ª Circunscrição, o que irá facilitar as cobranças e prazos das metas pactuadas”, destacou o promotor Luís Sávio.

Programa – Com o Cidade Pacífica, os governos municipais podem apresentar medidas distribuídas em nove eixos temáticos, são eles: Guarda municipal pacificadora; Segurança nos estabelecimentos comerciais/bancários; Esporte pacificador/Cultura/Lazer; Mesa municipal de segurança; Proteção integrada pacificando escolas; Empresas solidárias; Transporte pacificador; Iluminação pacificadora; e Pacificando Bares e similares (operação Bar Seguro). O município poderá aderir ao projeto através de convênio firmado com o MPPE, por intermédio da promotoria local, devendo implementar no mínimo sete desses eixos, de acordo com a sua realidade. E também passarão a integrar o ranking de pacificação elaborado pelo MPPE, a ser divulgado bimestralmente.

Rádio Web Acauã HD Full

Provedor de Internet em Afogados da Ingazeira – PE

Carlos Master Developer
Hospedamos Sites e Rádios Web. Desenvolvemos Sites, Logo-Marcas e Tampletes. Recuperamos Arquivos de HDs” e Pendrives Danificados. Assistência Técnica em Todos os Tipos e Marcas de Computadores.