Influenza: campanha de vacinação prorrogada até 22 deste mês

Resultado de imagem para influenza

O Ministério da Saúde (MS) prorrogou até o dia 22.06 a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. O Programa Estadual de Imunização da Secretaria Estadual de Saúde (SES) lembra que 354.353 pernambucanos ainda precisam procurar os postos para serem imunizados. Desse total de faltosos, mais de 159 mil são meninos e meninas entre 6 meses e menores de 5 anos, grupo com a menor cobertura vacinal (73,8%).

No Estado, 2.045.008 pessoas (85,2%) já foram vacinadas. A meta é imunizar, no mínimo, 90% do público total, formado por 2.399.361 pernambucanos. Além das crianças, as gestantes (83, 9%) e os idosos (89,4%) não atingiram a meta mínima.

Maio de 2018 tem redução de 22,49% nos homicídios, diz SDS

Resultado de imagem para violencia em pernambuco

Os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) voltaram a cair em maio de 2018, em comparação ao mesmo período de 2017. Conforme as estatísticas da Secretaria de Defesa Social (SDS), o mês passado registrou 355 CVLIs, o que representa uma redução de 22,49% em relação a maio do ano passado, quando foram registrados 458 casos. Empatados, abril e maio deste ano tiveram a menor incidência desse tipo de crime em 22 meses, perdendo apenas para julho de 2016 (com 346 mortes).

Maio de 2018 foi ainda o sexto mês consecutivo – série descendente se iniciou em dezembro de 2017 - em que os homicídios apresentaram queda quando levamos em consideração o mesmo mês de 2017. No acumulado dos primeiros cinco meses de deste ano, a retração foi de 22,12% no comparativo com o mesmo período de 2017: passou de 2.496 para 1.944 CVLIs.

Deputados presos custam R$ 1,2 milhão por mês aos cofres públicos

Resultado de imagem para despesas

Deputados estaduais e federais presos por corrupção que ainda mantêm os mandatos custam aos cofres da União e dos seus estados cerca de R$ 1,2 milhão por mês. O valor é a soma de salários, penduricalhos dos cargos e de verbas de gabinete de sete dos nove parlamentares que compõem essa ‘bancada de presidiários’. Eles exercem mandato na Câmara dos Deputados e nas assembleias legislativas do Rio de Janeiro, Minas Gerais, Mato Grosso e Amapá.

O número de deputados que depois de eleitos para mandato parlamentar receberam mandados de prisão é maior do que as bancadas federais do Acre, Amapá, Roraima, Rondônia, Tocantins, Amazonas, Sergipe, Rio Grande do Norte, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e do Distrito Federal e equivale ao total de representantes de Alagoas. A ‘bancada’ também é do tamanho da do PSC e maior do que as do PSL, PPS, Psol, Patriota, PHS, PV, Rede e PPL.

Prefeitura de Sanharó deve revogar decreto de emergência adotado durante paralisação dos caminhoneiros

Resultado de imagem para sanharó pernambuco

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou ao prefeito de Sanharó, Heraldo José Oliveira Almeida, conhecido como Heraldo Sidônio, revogar o decreto de emergência publicado pela gestão municipal em virtude da paralisação dos caminhoneiros, ocorrida no último mês de maio em todo país. Segundo a Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), 63 municípios pernambucanos emitiram decreto declarando situação de emergência devido ao desabastecimento de combustível.

O decreto de emergência expedido pela gestão municipal foi emitido em 25 de maio, em âmbito municipal, e tem prazo de vigência de 60 dias, perdurando pelo mês de junho. Apesar de o decreto encontrar-se disponível à população sanharoense, sua publicação no Diário Oficial dos Municípios do Estado de Pernambuco ocorreu apenas em 5 de junho, a pedido do Ministério Público.

Portanto, o MPPE recomendou ao gestor municipal a revogação do decreto de emergência, já que o abastecimento de combustíveis foi regularizado e não existem mais motivos que justifiquem a manutenção do decreto. Com a revogação, o prefeito de Sanharó deverá prosseguir com os festejos juninos do município, levando em consideração o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado perante o MPPE, organizando os eventos de forma segura e adotando posturas de prevenção de conflitos.

A promotora de Justiça Maria Cecília Soares Tertuliano recomendou também que, após a revogação do decreto, o prefeito publique no Diário Oficial da Amupe os atos administrativos realizados pela gestão nesta ação, dando publicidade e transparência das decisões tomadas pelo prefeito.

Por fim, o MPPE orientou o prefeito de Sanharó a abrir uma pasta específica para arquivar toda documentação quando algum convênio ou contrato for celebrado, de modo a preservar os documentos e poder apresentá-los na prestação de contas do município. A prioridade pela realização de licitação transparente e sem favorecimentos foi outra orientação repassada à gestão municipal, de forma a evitar que o prefeito venha a cometer atos de improbidade administrativa, previstos na Lei Federal nº 8.429/92.

Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa promove seminário para discutir experiências e saberes da Caatinga

Um extrato feito a partir dos frutos de pau-ferro, angico de bezerro e angico branco – espécies encontradas no Semiárido nordestino – se mostrou eficiente no combate a uma bactéria frequentemente associada a infecções hospitalares. O estudo, publicado em um periódico científico internacional, foi um dos exemplos apresentados, nesta quarta (13), no Seminário Experiências Exitosas no Bioma Caatinga, promovido pela Comissão de Meio Ambiente da Assembleia.

Na apresentação sobre as plantas medicinais, a professora de Bioquímica da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Márcia Vanusa da Silva expôs iniciativas de trocas de saberes em que o conhecimento de comunidades tradicionais é resgatado e validado por pesquisas. A partir daí, a produção é estimulada de forma a gerar renda para essas populações. “O óleo de babaçu tem o mesmo efeito de um anti-inflamatório comercializado internacionalmente”, exemplifica a pesquisadora, que percebeu, ainda, que as mulheres são figuras centrais como detentoras desse saber.

O superintendente-técnico da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), Sérgio de Azevêdo Mendonça, por sua vez, relatou a implantação dos módulos de manejo sustentável da agrobiodiversidade no entorno das unidades de conservação da Caatinga. O projeto inclui a capacitação de professores e produtores rurais, perfuração de poços, criação de unidades de beneficiamento de mel e frutas, entre outras iniciativas. “Em Serra Talhada, tivemos a grata surpresa da formação de uma feira agroecológica como fruto desse trabalho”, menciona.

Durante a audiência, a representante da Associação Águas do Nordeste (ANE) Edneida Cavalcanti abordou o Projeto Águas de Areias, para recuperação e gestão compartilhada das águas de aluvião em leito seco de rios no Semiárido pernambucano. Houve ainda a exibição do curta-metragem O Sertão Vai Virar Mar, da fotógrafa Patrícia Patriota. Diretora de Recursos Florestais e Biodiversidade da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), Patricia Ferreira Tavares falou das ações do projeto Papagaio da Caatinga para reabilitação, soltura e monitoramento de aves apreendidas.

Presidente da Comissão de Meio Ambiente, o deputado Zé Maurício (PP) enfatizou que a atividade faz parte da celebração do Junho Verde, data comemorativa que foi estabelecida por lei de sua autoria em 2017. “A Caatinga é o único bioma exclusivamente brasileiro, dotado de uma biodiversidade única, porém muito frágil: 45% de sua vegetação já foi devastada, e 60% de sua área está sujeita à desertificação. Por isso, propusemos compartilhar com a sociedade e esta Casa os exemplos que serão apresentados na 2ª Conferência Regional da Caatinga, a ser realizada entre os dias 19 e 21 de junho em Fortaleza (CE)”, acrescentou.

TCE julga ilegais admissões da Secretaria de Educação do Estado

A Primeira Câmara do TCE julgou ilegais atos de admissão de pessoal, negando consequentemente os registros de 1.228 contratações de caráter temporário, efetuadas no exercício de 2016, pela Secretaria de Educação de Pernambuco, sob a responsabilidade da Elizabeth Cavalcanti Jales, Gerente Geral de Desenvolvimento de Pessoas e Relações de Trabalho. As contratações tinham por objetivo preencher cargos como professor, analista de obras, coordenador pedagógico, instrutor de língua de sinais, de braillista, entre outros. O relator foi o conselheiro substituto Marcos Flávio.

O julgamento das admissões se deu em dois processos (n° 16051695 e n° 17204770). No voto, o relator aponta, com base em parecer do Ministério Público de Contas, a constatação de indícios de acumulações inconstitucionais de cargos, empregos e funções públicas; a falta de razoabilidade e de proporcionalidade entre a interrupção das admissões por concurso público, substituídas por contratações temporárias, destacando a utilização das contratações temporárias como regra e não como exceção.

O conselheiro também enviou ao Secretário de Administração de Pernambuco a cópia do Inteiro Teor da Deliberação para que adote providências ante os indícios da existência de acumulações inconstitucionais de cargos e funções públicas.

Leptospirose tem alta de 78% de casos confirmados em Pernambuco

Resultado de imagem para leptospirose

Os casos confirmados de leptospirose em Pernambuco aumentaram 78% e os notificados cresceram 40% na comparação entre 2018 e 2017. O período avaliado é de janeiro até o dia 26 de maio. Se no ano passado foram 251 notificações da doença, com 50 confirmações, hoje o volume é de 352 suspeitas e 89 resultados positivos.

O cenário demonstra uma persistência da leptospirose, que é transmitida pela urina de ratos contaminados, e acende o alerta para a população e médicos sobre sintomas como febre, fadiga e dor muscular posterior em até 30 dias do contato com enchentes, lixo ou lama de locais de risco de roedores. A demora no diagnóstico associada a comorbidades pré-existentes são apontados por especialistas como fatores de risco de agravamento e óbito por leptospirose. Até agora, foram atestadas quatro mortes em decorrência da enfermidade e oito ainda estão em investigação.

A cada 6 horas uma pessoa morre vítima de acidente de moto, aponta levantamento

Resultado de imagem para cepam em pernambuco acidentes de motos

De acordo com a Seguradora Líder, com dados do DPVAT, Recife passou a ocupar a oitava colocação entre os municípios de todo o país no que se refere a indenizações por invalidez ou mortes. Além disso, 11% de todos os atendimentos realizados na maior emergência da capital pernambucana, o Hospital da Restauração, acabam com a vítima perdendo o pé por amputação ou mesmo o movimento das pernas. Foram mais de 31 mil casos em 2017, o que representou R$ 1,1 bilhão em gastos públicos com saúde. Desse montante, 25% dos condutores não usavam capacete e 55% sequer possuíam habilitação. O levantamento é do Comitê Estadual de Prevenção aos Acidentes de Moto (Cepam).

“Se temos a maior emergência pública do estado com metade dos leitos ocupados por acidentes de motos, temos uma epidemia. Se você está gastando R$ 1,1 bilhão, como Pernambuco está gastando, com uma patologia evitável, não há sistema de saúde ou previdência que suporte”, defende o médico cirurgião do comitê, Hélio Calábria.

Outro dado levantado é que 42% das ocorrências com motocicletas são concentradas nos finais de semana. Entre a tarde e a noite do domingo, por exemplo, a probabilidade de acidentes chega a ser seis vezes superior a média dos registros. Isso ocorre por boa parte dos casos estarem relacionados com o consumo de álcool ou outros entorpecentes.

Colisão entre dois automóveis deixa vítima fatal e dois feridos em Calumbi

Uno tentou desviar de um animal que estava na pista, quando colidiu de frente com um Pálio que passava pelo local. Foto: Divulgação/PFR

Um acidente envolvendo dois carros de passeio deixou duas vítimas graves e uma vítima fatal na BR-232 em Calumbi. A colisão aconteceu ao final da tarde da última terça (12).  

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), havia um animal na pista e um automóvel no modelo Fiat Uno tentou desviar, quando colidiu de frente com um Pálio.

Uma mulher de 28 anos que estava sentada no banco traseiro, sem cinto, foi a única que faleceu. Segundo a PRF, os passageiros em estado grave do Uno possuíam múltiplas fraturas.

O Pálio estava à serviço da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) e nenhum dos passageiros sofreu escoriações.

Lula lidera com folga em Pernambuco

Resultado de imagem para discurso do ex-presidente lula

As intenções de voto espontâneas para presidente sinalizam a força do ex-presidente Lula em Pernambuco. Lula aparece em primeiro lugar, com 41% das intenções de votos, seguido distantemente por Jair Bolsonaro com 9%, Ciro Gomes, com 2%, e os demais com 1% ou menos. Os resultados são da pesquisa Datamétrica, realizada nos dias 8 e 9 de junho.

Nas intenções de voto estimuladas, foram feitos dois exercícios: com Lula e sem Lula. Na simulação com Lula (PT), o ex-presidente aparece com 59%, Jair Bolsonaro (PSL) com 11%, Marina Silva (Rede) com 3%, Ciro Gomes (PDT) com 3%, Geraldo Alckmin (PSDB) com 2% e o restante com 1% ou menos. Avaliando os estratos da pesquisa, vê-se que Lula é forte em todos os cortes. Na camada até o ensino fundamental, ele aparece com 68% das intenções. Entre os que têm 60 anos ou mais, ele atinge 74%.

STF julga na próxima terça-feira ação penal contra Gleisi Hoffmann

Resultado de imagem para gleisi hoffmann

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) deve julgar, no dia 19 de junho, a ação penal da Lava Jato contra a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) e seu marido, o ex-ministro do Planejamento Paulo Bernardo. No processo, ambos são réus pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Trata-se da segunda ação penal da Lava Jato que chega a julgamento final no Supremo, após mais de quatro anos desde o início da operação. A primeira foi a do deputado Nelson Meurer (PP-PR), que foi condenado no mês passado a 13 anos e noves meses de prisão em regime fechado, também por corrupção e lavagem de dinheiro.