Ex-JN recorre à Justiça para disputar as eleições 2018

A jornalista Valéria Monteiro

Ex-apresentadora do Jornal Nacional e do Fantástico, da TV Globo, a jornalista Valéria Monteiro conseguiu barrar a decisão do Partido da Mobilização Nacional (PMN) que veta candidatura própria do partido para a presidência da República. Após entrar na Justiça, ela teve mandado de segurança acatado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no último sábado, 30.

O tribunal manda a pré-candidatura de Valéria, natural de Belo Horizonte (MG), ser levada à convenção nacional do partido. A medida é assinada pelo ministro Napoleão Nunes Maia Filho. Valéria tem usado recursos próprios desde fevereiro em uma caravana pelo País.

"Estou comemorando muito, pois é uma vitória dupla. É também a primeira vez que o TSE concede uma liminar do tipo durante o período de pré-campanha", disse ao Estado. Para ela, isso abre um precedente para quem quer se candidatar e enfrenta a resistência partidária.

A jornalista diz que já percorreu 20 mil qulômetros de carro em 19 Estados. Para Valéria, esse trabalho "de formiguinha" aliado ao uso das tecnologias possibilitaria vencer uma eleição sem gastar muito. "Acho que cerca de R$ 200 mil é suficiente para fazer a campanha", disse.

Pesquisa no Blog

Rádio Web Acauã HD Full

Nosso Aplicativo

EM  TESTE...
Baixe Nosso aplicativo em:

 

 
BAIXAR

 

        

 

Link´s Para Rádio Web

     

Publicidade

 

 

 

 

Provedor de Internet em
Afogados da Ingazeira - PE